Atos instala em Petrópolis maior supercomputador da América Latina

CiênciaCloudData CenterHOMEInovação

Projetada pela Bull, marca de software e produtos tecnológicos da Atos, empresa de serviços digitais e parceira mundial de TI do Comitê Olímpico Internacional (COI), a infraestrutura de Computação de Alto Desempenho (High-Performance Computing – HPC) em petaescala é o maior supercomputador da América Latina e a primeira do Brasil.

Philippe Vannier, vice-presidente executivo e diretor de Tecnologia da Atos, diz que o Santos Dummont, como foi batizado o supercomputador, está instalado em Petrópolis, no Rio de Janeiro, em um Centro de Pesquisa e Desenvolvimento, totalmente integrado ao P&D mundial da empresa.

 

O supercomputador chegou a Petrópolis em 4 de julho de 2015. Quatro caminhões especiais foram necessários para transportá-lo até as instalações do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC). Os testes do equipamento começaram em agosto deste ano.

 

De acordo com a Atos, ele tem capacidade para realizar 1,1 milhão de bilhões de operações por segundo e apoiará pesquisa científica, inovação e prestação de serviços de HPC para a sociedade e o governo do Brasil. O supercomputador estará disponível para uso livre da comunidade acadêmica e faz parte de uma parceria com o LNCC e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

 

O supercomputador coloca o Brasil entre os países líderes que detém recursos de HPC. Áreas como meteorologia, dinâmica molecular e fluidodinâmica computacional já estão se beneficiando do acesso ao equipamento. Ele possibilitará avanços significativos em pesquisa e simulações digitais em setores como energia, petróleo, química, física, meio ambiente, meteorologia, astronomia, ciências da vida e nanotecnologia.

 

“Um antigo sonho da comunidade científica brasileira era ter acesso a computadores mainframe que permitissem fazer ‘Grande Ciência’ de maneira altamente competitiva. A instalação do Santos Dumont, como nó central do Sistema Nacional de Processamento de Alto Desempenho (SINAPAD), transforma esse sonho em realidade”, diz Pedro L. da Silva Dias, diretor do LNCC.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor