DocuSign reforça segurança de transações com compra de serviços da OpenTrust

EmpresasNegócios

A DocuSign acabou de adquirir a unidade de documentos e transações da francesa OpenTrust. O negócio é fruto de uma parceria de longa data e pretende incrementar a segurança das transações corporativas.

Dizem fontes oficiais que, com este negócio, a DocuSign, que no Brasil é proprietária da DocYouSign, quer reforçar seu crescimento internacional e ampliar sua DocuSign Trust Network, um conjunto de serviços que visam proteger a autenticidade, fiabilidade e a segurança de todos os documentos assinados na cloud da companhia.

A aquisição espera ainda pelas devidas aprovações e, por isso, deve estar concluída até ao final de setembro.

O CEO da OpenTrust, Pascal Colin, afirmando, em nota, que “a DocuSign tornou-se o padrão global para Digital Transaction Management (DTM) quando se refere a negócios realizados com rapidez, facilidade e segurança – 100% digital”, está confiante de que o negócio entre as duas companhias vai fortalecer a digitalização dos negócios dos clientes.

Por seu lado, Keith Krach, CEO da DocuSign, acredita que “a OpenTrust oferece uma equipe de alto desempenho, com forte foco no cliente, tecnologia reconhecida por toda a União Europeia, além de profundo conhecimento do mercado”. Desta forma, a DocuSign vai poder oferecer serviços melhorados a seus clientes e parceiros.

Falando especificamente do mercado nacional, Marcos Nader, diretor das operações da DocuSign na América Latina, diz, em nota, que “Com o crescimento e a maturidade da assinatura digital no Brasil e na América Latina, ter uma oferta de DTM mais integrada é muito positivo para esse setor”. Para além disso, o responsável afirma que, ao comprar a divisão da OpenTrust, está fortalecendo seu crescimento e incrementando a segurança de seus serviços, à escala global.

Fontes oficiais nos disseram que o montante envolvido no negócio não será revelado.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor