Ministério aprova R$ 1,8 bilhão para projetos de banda larga

4GGestão de RedesHOMEMobilidadeOperadorasRedesSmartphonesTablets

O Ministério das Comunicações (Minicom) aprovou mais 26 projetos no Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga (REPNBL). As propostas totalizam R$ 1,8 bilhão em investimentos e a maior parte destes recursos que será aplicada para reforçar a rede de acesso móvel 3G e 4G em 754 municípios do país.

Para o secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Maximiliano Martinhão, o trabalho realizado pelo REPNBL gera investimentos descentralizados e reflete o compromisso de levar banda larga para os brasileiros.

Os projetos para ampliação das redes de banda larga foram encaminhados por empresas do setor ao MiniCom durante dois anos e o prazo de submissão terminou em junho deste ano.

Nesse período, 1.216 projetos de banda larga foram submetidos, sendo que 1.131 já foram aprovados, o que representa R$ 12,5 bilhões em investimentos em 3320 municípios de todo o país.

Até o final do ano, com a conclusão das análises pelos técnicos do ministério, esse número deve chegar a 17,7 bilhões com mais de 5 mil cidades beneficiadas com banda larga.

O REPNBL foi regulamentado em 2013 com o objetivo de promover a modernização e a expansão das redes de telecomunicações por meio da desoneração do IPI, PIS e COFINS.

*Com informações da Agência Minicom

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor