Figueiredo defende melhoria de serviços móveis ao assumir pasta das Comunicações

Gestão de RedesHOMEOperadorasRedes

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, recebeu ontem (6) o cargo do ex-ministro Ricardo Berzoini afirmando que assumir a pasta não é uma forma de fazer barganha política, mas de contribuir para que o Brasil saia da crise política e econômica. Na cerimônia, ela destacou que está assumindo um cargo no governo, o que não significa que concordará com tudo o que vier do Planalto.

Como prioridades, o novo ministro citou a distribuição mais igualitária da banda larga e o estabelecimento de tarifa para mudança de frequência de rádios AM para FM.

Teremos como premissa básica a inclusão digital. Queremos que milhões de brasileiros estejam integrados, interligados digitalmente, principalmente das regiões Norte e Nordeste, onde ainda existe uma disparidade muito grande”, disse o novo ministro

Quanto à mudança de frequência das rádios, Figueiredo informou que é questão para curtíssimo prazo. “Queremos erguer nossa equipe para que possamos encontrar uma tarifa justa para essa mudança de sinal.”

Figueiredo também afirmou que, em sua gestão, deverá se reunir com o setor de telefonia para definir padrões e medidas que melhorem os serviços. “Não existe um grau de satisfação muito grande dos consumidores de telefonia celular”, adiantou o ministro, durante entrevista à imprensa logo após a transmissão de cargo.

O novo ministro é cearense e foi eleito deputado federal pelo PDT em 2014. Era líder do partido na Câmara dos Deputados até semana passada. Figueiredo também foi deputado federal entre 2003 e 2007 e 2011 e 2015.

Natural de Fortaleza, Figueiredo é advogado e economista. Filiou-se ao PDT em 1984 e entrou na vida pública em 1994, como subsecretário da Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Ceará.

Figueiredo também foi secretário do Esporte e Juventude do estado de 2003 a 2004. No Ministério do Trabalho e Emprego, foi assessor especial em 2007 e secretário executivo de 2007 a 2010. O ex-ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, assumiu a Secretaria de Governo.

*Com informações da Agência Brasil


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor