Schneider Electric reforça estratégia em Inteligência Operacional para IoT

EmpresasNegócios

A Schneider Electric anunciou a nova estratégia de marca, assumida durante o ponto crítico de transição vivido pela indústria, em que o panorama empresarial e social está a ser transformado pela urbanização, digitalização e industrialização.

A nova estratégia Life Is On é alimentada pela abordagem da Schneider Electric à IoT por meio da Inteligência Operacional, que transformará a forma como as pessoas e as organizações consomem energia, automatizam os processos industriais e aumentam a qualidade das decisões de negócio, bem como, a qualidade de vida.

A iniciativa da Life Is On pretende mostrar, de forma clara, como a Schneider Electric ajudar seus clientes em todo o mundo a se beneficiarem dessa transformação. De acordo com as empresas, a experiência em Tecnologia Operacional (TO), que controla os processos mais importantes da sociedade, e a forma como a Schneider Electric a conecta à Tecnologia de Informação (TI), está simplificando a vida de milhares de pessoas, bem como a ajudar empresas a tomarem melhores decisões.

Esta abordagem, a que a Schneider Electric se refere como construção da Inteligência Operacional, depende da otimização de automação e controle, gerenciamento remoto avançado, manutenção preventiva, acesso a serviços de gerenciamento, análises avançadas e geração de informação acionável para processos de decisão suportados por informação, quer seja em nossas casas, em empresas, centros de dados, edifícios ou cidades.

“Construímos tecnologias de gestão de energia e automação que asseguram que estamos ligados em todo o lado, para todos e em todos os momentos – Life is On. Consideramos que o acesso à energia é um direito fundamental para qualquer habitante do planeta Terra. Por isso, desenhamos e desenvolvemos soluções que permitem tornar a energia segura, confiável, eficiente, sustentável e conetada”, diz Jean-Pascal Tricoire, chairman e CEO da Schneider Electric.

“Na Schneider Electric investimos profundamente em inovação, conectando os nossos produtos e sistemas ao nosso portfólio de software por meio da Internet das Coisas, aumentando a distribuição da energia e conectando-a. As nossas soluções dão resposta às necessidades dos mercados residencial, de edifícios, centro de dados e redes de trabalho, de energia e infraestrutura, e industrial, a nível global. Estamos empenhados em ajudar os nossos clientes a alcançar o sucesso nesta nova realidade, transformando as suas empresas e organizações em entidades mais conectadas com Inteligência Operacional em tempo-real,” acrescenta Tricoire.

Para criar uma base de suporte sólida para a sua visão da Inteligência Operacional, impulsionada pela IoT, a Schneider Electric anunciou a sua eleição ao comité da Direção do Industrial Internet Consortium (IIC). Por meio desse compromisso, a Schneider Electric assumirá um papel mais central junto a líderes da AT&T, Cisco, General Electric, IBM e Intel, no desenvolvimento de recomendações para especificações da indústria, bem como, no desenvolvimento de padrões para acelerar a adoção de tecnologias IoT em todo o mundo. 

John Tuccillo, vice-presidente sênior de Governo e Indústria, que vai representar a Schneider Electric no comité de Direção do Industrial Internet Consortium, afirma que “a próxima onda de transformação na produção industrial e em centrais de produção de energia será impulsionada pela forma como a conetividade pode gerar ainda mais inteligência”, conclui.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor