Zenfone Go da Asus amplia mercado de smartphone da empresa no Brasil

MobilidadeSmartphones

A fabricante de notebooks lança no mercado nacional o smartphone de entrada, com tela de 5 polegadas, câmera PixelMaster de 8 megapixels e Android 5.1. O produto, fabricado no Brasil, começa a ser vendido ainda neste mês pelo preço sugerido inicial de R$ 799. A relação custo/benefício agressiva estende as oportunidades da companhia na arena de smartphones.

O Zenfone Go é o mais novo modelo da família Zenfone da Asus disponível no Brasil. “Ele amplia nossa faixa de mercado, oferecendo um smartphone com a qualidade Zenfone a um preço mais acessível, com fabricação local”, explica Marcel Campos, diretor de Marketing e Produto da Asus Brasil.

O novo modelo (ZC500TG) será vendido com uma tela IPS de 5 polegadas com resolução HD (1280×720) e vem com 2GB de RAM, processador MediaTek quad-core MT6580 de 1,3GHz, com armazenamento interno de16GB, expansível com cartões microSD de até 64GB, rodando Android 5.1 “Lollipop”.

“A partir de outubro deste ano, a Asus oferecerá sempre no mínimo 16 GB de armazenamento em seus smartphones. Percebemos que é uma demanda do público brasileiro que deseja ter uma experiência incrível com seu gadget, seja para em fotos, vídeos HD ou apps mais pesados”, promete Campos.

bateria de 2.070 mAH é removível pelo usuário, e o aparelho tem duas entradas para SIM cards de operadoras, com tecnologia Dual-Active (permite receber uma chamada em uma linha e deixar a outra em espera), e conectividade 3G nos dois slots.

Com 8 megapixels de resolução com abertura f/2.0, a câmera PixelMaster traseira do Zenfone Go tem todos os recursos PixelMaster conhecidos de toda a família Zenfone, incluindo foco automático entre os 13 modos de disparo integrados.

“Se compararmos o Zenfone Go ao Zenfone 5, modelo lançado em 2014, temos o dobro de autonomia de bateria por conta de maior eficiência energética”, comenta Campos. “Mesmo com processador Quad Core, a relação desempenho e consumo é mais equilibrada para bateria durar muito mais, mesmo com toda a inovação de hardware e software embarcada no produto”, conclui.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor