CPFL Energia acelera processo de faturamento com tecnologia IBM

Negócios

O grupo privado do setor elétrico brasileiro, com sede em Campinas (SP), e a IBM anunciam os resultados de um projeto de tecnologia que agilizou o faturamento noturno da empresa e possibilitou o atendimento a 2 milhões de novos clientes.

O crescimento de 25% no número de consumidores levou a CPFL Energia a procurar um novo modelo de armazenamento que não sobrecarregasse a contabilização noturna das contas de energia. Outra questão que desafiava a operação era a unificação das atividades de outra empresa do grupo, no sistema de faturamento utilizado pela matriz, que é baseado no aplicativo SAP CCS e executado na plataforma IBM Power SystemsTM. Com essa mudança, o grupo passou a atender 2 milhões de novos clientes.

No setor de energia, o cálculo do consumo mensal por cliente é um processo diário que se tornou um desafio contínuo com o crescimento do volume de dados. Para atender às necessidades desta nova realidade, a CPFL implementou um IBM FlashSystem 840 com capacidade de 24 Terabytes.

O novo armazenamento em Flash ofereceu até cinco vezes menos latência e dobrou a capacidade de IOPS (operações de entrada/saída por segundo) na operação de faturamento. Outra vantagem é que utiliza menor espaço físico dentro do data center. A implementação da plataforma em Flash diminuiu de oito para cinco horas a execução do lote de faturamento noturno na CPFL Energia — uma redução de 37% — e viabilizou o sistema absorver os clientes da outra empresa do grupo.

“Teria sido impossível absorvermos os 2 milhões de novos clientes sem o FlashSystem. Agora, podemos processar com confiança 400 mil faturas todas as noites, sem risco de exceder o tempo reservado e impactar o desempenho do sistema durante as horas úteis do dia”, comenta Márcio Felix, gerente de TI da CPFL Energia.

Ele acrescenta que com o espelhamento do FlashSystem as tabelas do banco de dados usadas pelos sistemas de call center, os representantes do serviço da compnhia podem lidar com os clientes mais rapidamente.

Os sistemas de armazenamento anteriores da provedora de energia permanecem em funcionamento. O FlashSystem 840 foi configurado para agir como uma camada zero por meio da funcionalidade de espelhamento do IBM AIX Logical Volume Manager.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor