Instituição de ensino superior adota ERP e aprimora gestão da informação

ERPGestãoSoftware

A Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação (ESAMC) tinha o desafio de organizar, analisar, monitorar e compartilhar as informações de suas oito unidades espalhadas pelo País. A solução aconteceu por meio do sistema gestão (ERP) da WAE, empresa brasileira especializada em solução de gestão para instituições de ensino.

“O mercado de ensino demanda um árduo trabalho de gestão escolar para garantir qualidade e alcançar bons resultados. Não é fácil conseguir rentabilidade e crescimento”, ressalta o presidente da ESAMC, Luiz Gracioso.

Antes de implantar um sistema de gestão educacional, a ESAMC não conseguia um controle efetivo da grande quantidade de informação e, sem esses dados disponíveis, não era possível gerar metas e necessidades tão precisas.

A solução da WAE foi então implantada na unidade de Uberlândia (MG) da ESAMC. Depois da experiência positiva nessa unidade, há dois anos, a instituição adotou o sistema em todas as outras sete. “A confiabilidade e o ótimo suporte técnico oferecido não nos deixaram dúvidas de que ter o WAE em todas as escolas era a melhor opção”, conta o presidente.

Agora, os alunos e professores têm acesso, de maneira simples e rápida, às informações de interesse como notas, número de faltas, histórico, situação financeira e material acadêmico.

“A gestão ficou bem mais fácil com o novo sistema. Automatizamos o controle de pagamento das matrículas, contabilizamos cada aula dada pelos professores e organizamos todo o fluxo de documentos, integrando as informações de todas as unidades”, esclarece Gracioso.

Hoje, os gestores da ESAMC conseguem analisar, por exemplo, qual matéria os alunos têm mais dificuldade, como está a demanda de requerimentos nas secretarias e a produtividade de cada professor e aluno.

“Alcançamos um alto grau de qualidade e controle de gestão. Os alunos e funcionários ficam mais satisfeitos, assim como nosso trabalho é aprimorado em todos os âmbitos. Esperamos agora acompanhar as evoluções e expandir cada vez mais nosso sistema”, finaliza o presidente.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor