Aplicativo de viagens compartilhadas inicia operação no Brasil

EmpresasMobilidadeNegócios

A BlaBlaCar, comunidade mundial de viagens compartilhadas entre cidades, em plena expansão global, com a chegada ao Brasil, o primeiro na América do Sul, totaliza 20 países em seu portfólio.

Essa é a primeira incursão sul-americana da empresa, que nasceu na França em 2006 e tem mais de 20 milhões de membros em 19 países. A plataforma brasileira já pode ser acessada por meio de aplicativos gratuitos para Android e iPhone e pelo site.

De acordo com a empresa, o conceito do aplicativo a BlaBlaCar é simples: conectar condutores com lugares vazios no carro a passageiros indo para o mesmo destino. O condutor, que tem uma viagem programada, publica na BlaBlaCar as informações do seu trajeto, como horário, ponto de partida e chegada, e número de lugares disponíveis.

O passageiro escolhe entre os condutores aquele com quem gostaria de viajar e, caso o condutor concorde, eles viajam juntos e dividem os custos do trajeto. Uma viagem entre São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, pode custar até R$ 180 – se esse custo for dividido com dois passageiros, cada um gastará R$60.

A expansão global, financiada pelos aportes de 2014/2015 que somam US$ 300 milhões, é uma das principais alavancas de crescimento da BlaBlaCar, que já está presente no México, Turquia, Índia, Rússia e mais 15 países. Com 205 milhões de habitantes e uma frota de 50 milhões de carros, a expectativa para a operação brasileira é muito positiva.

“Centenas de milhares de brasileiros já utilizam as redes sociais para organizar viagens compartilhadas com o objetivo de dividir os custos. A BlaBlaCar, ao criar uma comunidade de confiança com perfis verificados, avaliações e facilidade de uso, propiciará uma solução para as viagens compartilhadas intermunicipais”, afirma Julien Lafouge, diretor-geral da BlaBlaCar na América Latina. 

“Segundo dados do Ministério do Turismo publicados em outubro de 2015, 84% dos brasileiros que pretendem viajar nos próximos meses farão viagens domésticas. Queremos justamente ajudar a população a explorar os destinos nacionais”, afirma Ricardo Leite, diretor-geral da BlaBlaCar no Brasil.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor