Surpresa na CES: Microsoft alia-se à Samsung para Internet das Coisas

HOME

A Microsoft é a nova parceira da Samsung para Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês), um anúncio que as duas empresas acabam de fazer durante a keynote de WP Hong, presidente de soluções de negócio da empresa sul-coreana.

* em Las Vegas

A parceria faz sentido, mas a cereja no topo do bolo foi ver o chefe do Windows, Terry Myerson, subir ao palco para elogiar o novo tablet Galaxy TabPro S, que a Samsung revelou aqui mesmo no primeiro dia da CES 2016. “Estamos muito entusiasmados com este Galaxy”, afirmou o executivo da Microsoft, com o modela nas mãos e elogiando as suas características. O interessante é que o Tab Pro S é um rival do Surface Pro 4 da própria Microsoft.

No entanto, o novo topo de gama da Samsung corre Windows 10 e não Android, o que é estratégico para os esforços da Microsoft na conquista de espaço nos segmentos móveis. Myerson revelou que, desde julho, o Windows 10 já está funcionando em 200 milhões de aparelhos. “O Galaxy TabPro S vai permitir que mais pessoas usem o Windows 10”, declarou o executivo.

Por outro lado, a estratégia de Internet das Coisas da Samsung serve aos propósitos da Microsoft no estabelecimento do Windows 10 como um ecossistema do futuro. “Com a Samsung, estamos excitados por partilharmos a visão de milhões e milhões de aparelhos conectados”, disse Myerson. “A plataforma é parte crucial da estratégia de IoT da Samsung, e o Windows 10 é uma plataforma para todos os aparelhos, incluindo a Internet das Coisas”, explicou.

A Samsung concentrou a sua apresentação na CES 2016 precisamente na Internet das Coisas, trazendo vários parceiros ao palco do Venetian, em Las Vegas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor