Unisys estima manter crescimento de 6% em 2016 no Brasil

EmpresasNegócios

Em encontro com jornalistas no final do ano passado, o presidente da Unisys América Latina, Helcio Beninatto, e o diretor-presidente da empresa no Brasil e VP de Finanças para América Latina, Maurício Cataneo, estimaram crescimento de 6% para a unidade brasileira em 2016, apesar das perspectivas econômicas desfavoráveis, no Brasil e no mundo, que ameaçam o destino deste ano.

Na verdade, o esforço para este ano será direcionado para manter o mesmo patamar de incremento conquistado no ano passado (2015) pela norte-americana Unisys, companhia de hardware, software e serviços de missão crítica em solo nacional (6%).

“Com esse resultado, pretendemos preservar nossa posição de segunda maior operação da Unisys fora dos Estados Unidos e o primeiro lugar na América Latina”, diz Cataneo, acrescentando que tudo vai acontecer apoiado no time de colaboradores que hoje totaliza 2 mil, distribuídos pelos sites da empresa em 15 estados do País.

Ano 2015 difícil, mas sem recuos

As dificuldades impostas pelas turbulências políticas e econômicas brasileiras não impediram que a empresa arriscasse movimentos positivos na operação. Assim, preservou em sua carteira de clientes sete dos dez maiores bancos de varejo no Brasil e ainda três dos maiores varejistas atuantes no mercado nacional, de acordo com o diretor-presidente da companhia no País. Além disso, a empresa contabilizou mais de 3 milhões de chamados atendidos.

“Foi um ano (2015) de muitos investimentos. No Brasil, inauguramos mais um Centro de Operações, além do nosso novo escritório, totalmente estruturado para uma operação moderna e de acordo com as atuais exigências tecnológicas para um bom desempenho”, diz Beninatto.

As modernas instalações do novo escritório, inaugurado em 2015, são parte da estratégia de crescimento no Brasil e exemplo de que não recuou diante do cenário de tímidas expectativas. A Unisys saiu da unidade no bairro de Veleiros (SP) para ficar mais próxima de um grande número de empresas de tecnologia na zona sul da capital paulistana.

O novo espaço abriga, no complexo Morumbi Corporate, a presidência e parte da diretoria da empresa, além de áreas Administrativas, Vendas, Recursos Humanos, Marketing e Suporte a Negócios. Outra expansão em 2015 foi a construção de um Centro Operacional, de mais de 5,6 mil metros quadrados, em Santo Amaro (SP).

Mais uma movimentação estratégica da companhia neste ano conturbado foi o acordo com a Ascenty, companhia de data center. “Essa aliança nos possibilitou aprimorar serviços de terceirização de infraestrutura de data center, com destaque para computação em nuvem, com o objetivo de atender à crescente demanda no mercado nacional”, acrescenta Beninatto.

A negociação envolveu a migração das operações de data center da Unisys, anteriormente concentradas em São Paulo e no Rio de Janeiro, para o espaço da Ascenty, em Campinas (SP), onde a Unisys passou a ser responsável por todo o gerenciamento.

Entre as conquistas de 2015 também está o controle da infraestrutura de TI da Hershey no Brasil, uma das maiores fabricantes de chocolate do mundo. “Com a nossa tecnologia, vamos apoiar a meta de crescimento da marca em território brasileiro, em um mercado que promete movimentar até 2019 R$ 17 bilhões”, diz Cataneo.

O acordo com a Hershey inclui suporte a diversas operações da companhia de chocolates no País, como a fábrica em São Roque (SP), o Centro de Distribuição, em Guarulhos (SP) e o escritório corporativo na capital paulista.

O contrato prevê ainda a prestação de serviços de suporte remoto (service desk) a todo o quadro de funcionários das três unidades da Hershey, além de suporte de campo (field services), monitoramento do ambiente de servidores e gestão do Data Center com plano de contingência (disaster recovery). Para as operações de Data Center, a Unisys poderá utilizar a infraestrutura da parceira Ascenty.

Outro acordo regional também foi firmado com o grupo chileno Cencosud, uma das maiores empresas do setor varejista na região, engordando o avanço da companhia em 2015. Desta vez para fornecer serviços de Service Desk aos usuários internos da Cencosud em cinco diferentes países da América Latina: Colômbia, Chile, Peru, Brasil e Argentina.

A ousadia desenhada pela Unisys em 2015 promete se estender neste ano, de acordo com seus principais executivos no Brasil e na América Latina. “Sabemos das dificuldades que iremos enfrentar em 2016, mas prosseguiremos com nossos investimentos e acreditando no crescimento em solo nacional”, prometem Cataneo e Beninatto.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor