CPFL virtualiza estrutura do data center com tecnologia VMware

CloudData CenterEmpresasNegóciosVirtualização

Para garantir crescimento e atendimento a um volume cada vez maior de usuários, a CPFL Energia depende de uma estrutura de TI eficiente e confiável. Em 2009, a companhia, que trabalhava com sua estrutura terceirizada, decidiu fazer o insourcing do seu data center.

O gerente de Arquitetura, Tecnologia e Segurança da TI da CPFL Energia, Carlos Alberto Belarmino Teixeira, diz que a decisão foi motivada pela necessidade de adotar um novo desenho para o data center e, ao mesmo tempo, ampliar o controle sobre ele.

“Desenhamos uma infraestrutura robusta que seria operada aqui na empresa por terceiros. Esse projeto abrigava o data center completo com servidores, storage e redes”, explica, destacando que a iniciativa tinha um desafio específico: montar o data center no mesmo espaço que, há mais de dez anos era ocupado pelo antigo, antes da terceirização.

Com o novo desenho e a necessidade de otimizar espaço, o projeto previu o uso de servidores blade virtualizados. “Decidimos utilizar o vSphere, da VMware, companhia de infraestrutura de nuvem e mobilidade corporativa. A empresa se destacava e comprovou ter a robustez necessária para nos atender”, conta. A CPFL Energia montou uma sala cofre em um espaço de cem metros quadrados, instalou o data center que hoje suporta as operações da companhia e é o único do Brasil com certificação ISO 27001.

Hoje, a estrutura conta com 84 servidores físicos e 659 servidores virtuais, rodando todos os sistemas da CPFL Energia: SAP ECC, SAP RH, sistemas de operação da rede elétrica e o sistema de faturamento de mais de 7,5 milhões de contas mensais. No Rio Grande do Sul, a RGE, também parte do grupo, mantém uma estrutura de backup com 41 servidores físicos e 112 virtuais. Ao todo, a montagem do data center foi feita em um ano. Ele entrou em operação em junho de 2010.

“Hoje temos oito distribuidoras e um dos alicerces de nosso projeto foi a unificação dos sistemas, que concluímos este ano. Ainda temos muitos projetos em andamento e nos beneficiamos muito desse mundo virtualizado para atender estas demandas”, ressalta.

Há mais de cem anos no mercado brasileiro, a CPFL Energia tem presença hoje nos segmentos de distribuição, geração e comercialização de energia, serviços e telecomunicações. Conta com 13% de participação no mercado de distribuição, atendendo a mais de 7,5 milhões de clientes nos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor