Ford leva produção de veículos à era dos smartphones

4GAppsInovaçãoMobilidadeSmartphones

A Ford desenvolveu um aplicativo para smartphone que permite o controle instantâneo da produção na fábrica, de forma mais rápida e precisa, por meio de um dispositivo portátil usado no pulso. A tecnologia deve ser adotada em outras unidades da Ford no mundo, impulsionada pelo sucesso do projeto piloto realizado na fábrica de Valência, na Espanha. Mais de um século depois de Henry Ford iniciar a linha de montagem, a marca traz a produção de veículos para a era dos smartphones.

Linda Cash, vice-presidente de Manufatura da Ford Europa, diz que a capacidade de verificar qualquer aspecto da qualidade e especificação de um veículo na tela do smartphone ajuda a garantir altos níveis de qualidade do produto e melhora os processos de produção.

Interessante é que o dispositivo Bluetooth identifica os requisitos exatos de inspeção de qualidade de cada veículo que passa na linha de montagem. Os dados são mostrados na tela sensível ao toque de pulso e podem ser acompanhados e aprovados instantaneamente pela equipe. O novo sistema ajudou a reduzir o erro humano em 7% e tornou cada inspeção sete segundos mais rápida.

A produção anual em Valência chega a 400 mil veículos e, portanto, a essa tecnologia representa uma grande economia de tempo para inspeções adicionais de qualidade. Segundo a Ford, ela é uma das fábricas mais flexíveis e avançadas do mundo e foi escolhida como piloto devido à sua alta complexidade de produção, com seis diferentes veículos e centenas de especificações de modelos na linha: Mondeo, Mondeo Vignale, Kuga, Transit Connect, Tourneo Connect, S-MAX e Galaxy.

Entre outros avanços, a fábrica conta com uma avançada rede wi-fi para a instalação flexível do software de comando de voz do sistema de conectividade SYNC, baixando pacotes específicos de linguagem e navegação para cada veículo.

Inovação em tecnologia de vestir

A ideia de usar um dispositivo de vestir (“wearable”) conectado a um aplicativo de smartphone para controle de qualidade partiu do gerente de produção da fábrica, Ramón Garcia, que observou os colegas e familiares usando cada vez mais smartphones e tablets na hora do almoço e em casa. O aplicativo Android foi desenvolvido pela Ford em parceria com a empresa de software S.L. Visia Solutions.

“A tecnologia móvel inteligente ajuda cada vez mais a organizar nossas vidas e pensei que poderíamos usá-la para melhorar o processo de produção”, diz Garcia. “A resposta dos trabalhadores foi muito positiva e estamos estudando outras áreas onde podemos implantar a inovação digital.”

Com o aumento do uso de dispositivos inteligentes portáteis, como relógios, óculos e medidores de desempenho físico, a Ford inaugurou este ano o Laboratório Experimental de Wearables Automotivos, dentro do Centro de Pesquisa e Inovação em Dearborn, nos EUA. Cientistas e engenheiros trabalham no local para integrar os dispositivos portáteis aos veículos e tornar as tecnologias de assistência ao motorista mais eficientes.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor