A importância do apoio tecnológico no setor logístico

EmpresasInovaçãoNegócios
0 2 Sem Comentários

Atualmente 50% da composição dos custos das empresas que atuam no setor logístico brasileiro estão relacionados ao pagamento de tributos. A combinação dessas elevadas taxas com a complexidade no modelo de cobrança criado pelo Governo resulta em uma série de desafios.

A saída é buscar o apoio de tecnologias que possam ajudar a atingir esses objetivos e driblar as adversidades.

“O E-Gov transformou-se em uma dor de cabeça enorme para o setor logístico. E, por mais cuidadosas que sejam, é muito difícil para essas companhias estarem 100% aderentes à legislação. Isso não ocorre nem por má fé, mas sim pela simples impossibilidade operacional de acompanhar este cenário apavorante no qual se transformou o modelo tributário brasileiro”, afirma Carlos Maffei, diretor comercial e de relacionamento da Benner.

Por conta disso, embora construir um planejamento tributário seja um dos grandes desafios do setor logístico, este é um aspecto fundamental para que as empresas possam também usufruir dos incentivos fiscais oferecidos pelo poder público.

Segundo Maffei, é possível manter os custos racionalizados sem necessariamente cortar indiscriminadamente. Racionalizar significa produzir melhor com os meios disponíveis e isto poderá garantir margens e resultados, apesar da queda de faturamento.

Para o executivo, as operações envolvendo entendimento, apuração e retenção de impostos, tributos, encargos e obrigações auxiliares precisam ser terceirizadas, assim como os processos precisam ser totalmente redesenhados e a operação automatizada.

A tecnologia apoia na redução de custos e traz a segurança necessária para ajudar as empresas estarem em conformidade com os aspectos legais. Sem esquecer-se da maior rapidez operacional que traz importantes diferenciais junto aos clientes.

“Conclui-se então que sem tecnologia não haverá sobrevivência em um setor tão competitivo e com altos custos, e isto quer dizer, tecnologia em constante evolução e atualização. Afinal, o que foi ótimo tecnologicamente ontem, é simplesmente bom hoje e amanhã será ultrapassado”, diz Maffei.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor