Mercado Eletrônico investe em Programa de Canais para ampliar capilaridade

E-commercee-Marketing

O Mercado Eletrônico, empresa de e-commerce, para ampliar a capilaridade em todo o Brasil em 2016, aposta no Programa de Canais. O objetivo é ter cem parceiros em sua base até o final deste ano.

Paulo Rosanova, diretor de Canais do Mercado Eletrônico, destaca que atuar por meio de parceiros permite alcançar diferentes regiões sem a necessidade de estruturar uma operação local.

“Além de mirar a conquista de novas alianças, treinamento e capacitação dos canais também serão nossos focos. É preciso mantê-los sempre atualizados com relação ao nosso portfólio para garantir a oferta de soluções adequadas de acordo com cada cliente”, completa.

A Clever, integradora de soluções, é um recente parceiro do Mercado Eletrônico. Gerardo Mendoza, CEO da companhia, reforça que a realidade econômica do País é, no momento, desafiadora, e acredita que a plataforma de e-Procurement do Mercado Eletrônico terá bastante alinhamento com clientes e prospects.

“Ajudamos as empresas a reduzir custos ao mesmo tempo em que melhoram seu desempenho, com toda uma metodologia própria da Clever. Nosso negócio tem bastante sinergia com o core business do Mercado Eletrônico pois os processos também envolvem a diminuição de gastos ao ter controle estratégico dos setores de Compras das organizações”, explica.

No Programa de Canais do Mercado Eletrônico divide os parceiros estão divididos em três categorias: Vendas, responsáveis por comercializar as soluções da empresa; Implantadores, que negociam e implementam os serviços dentro dos clientes; e Operadores, que gerenciam a plataforma da empresa na terceirização dos processos de compras.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor