Vert investe R$ 18 milhões em novo data center no País

CloudData CenterEmpresasNegóciosServidoresVirtualização

A Vert, brasileira integradora de sistemas, inaugura, no próximo dia 30 de março, em Brasília, o seu primeiro data center em nuvem voltado ao mercado corporativo, com classificação Tier-3.

De acordo com a empresa, é um “data center em contêiner”, tendência de modernização no setor, que rentabiliza processos e viabiliza o armazenamento em nuvem virtual, garantindo mais segurança aos clientes.

O Vert Data Center, como foi batizado, estima aumentar em até dez vezes sua capacidade atual de serviço. Estruturado em uma fazenda com extensão para cerca de 30 contêineres e um milhão de máquinas virtuais, o novo centro tecnológico consumiu investimentos da ordem de R$ 18 milhões ainda na fase de implantação, e planeja um ciclo de novos investimentos de R$ 15 milhões, ao ano, arquitetado pela integradora até 2021.

“O novo data center possui infraestrutura mais densa, modular e com capacidade de atender às constantes necessidades de atualização das empresas”, destaca Sérgio Marques, presidente da Vert .

Ele acrescenta que esse empreendimento prepara a empresa para uma realidade que cada vez é mais digital, ajudando a minimizar custos, enquanto maximiza a eficiência em TI.

O executivo diz ser o data center de uma magnitude inédita e foi pensado para permitir que as empresas possam expandir e acompanhar o avanço da tecnologia de uma forma mais inteligente, e com maior controle dos investimentos.

“Estamos apostando na tendência de data centers como serviço, pois é uma prática que vem se tornando cada vez mais procurada pelo mercado”, completa.

Para este ano, a Vert espera que o volume de demandas alcance o patamar de 10 milhões. Com isso, serão gerados aproximadamente mais 60 empregos diretos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor