BMW, Audi, Mercedes e… Amazon?

Negócios
1 8 Sem Comentários

No início de março, noticiávamos que a empresa de mapeamento digital “Here” estaria procurando novos membros. Agora, a Reuters avança com o nome Amazon, afirmando que o gigante do comércio eletrônico estará em negociações com o consórcio composto pelas alemãs BMW, Audi e Mercedes para adquirir uma participação na empresa de mapeamento.

Em agosto do ano passado, os construtores alemães BMW, Audi e Mercedes-Benz pagaram 2,8 bilhões de dólares para comprar a divisão de mapas da Nokia como parte dos planos de desenvolvimento de carros autônomos.

Em março, o presidente-executivo da Daimler, Dieter Zetsche, dizia haver interesse na integração de novos membros no consórcio.

“Se há companhias inidividuais que já estão levantando o dedo, então isso será rápido e satisfatório. Não acredito que demorará muito tempo até que a primeira empresa faça um compromisso vinculante de aderir”, afirmou, em março, Zetsche em um evento da Mercedes-Benz.

E tinha razão. Agora, a Amazon surgiu como uma possível acionista.

“A Amazon assumiria uma parcela como parte de um acordo mais amplo para assegurá-la como uma provedora de serviços de computação em nuvem”, disse à Reuters uma fonte familiarizada com o processo.

Com este negócio, parece juntar-se o útil ao agradável. Por um lado, o consórcio ganha capacidade computacional para garantir que os mapas possam lidar com atualizações em tempo real de tráfego e condições de estradas. Por outro lado, como explana a Reuters, assumir uma participação na Here pode fazer sentido estrategicamente para a Amazon, que está lançando novos serviços de entregas em uma – ou duas – horas nas grandes cidades dos Estados Unidos e Europa e precisa de mapas exatos, em tempo real, para competir com rivais pela melhor logística.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor