Ministério cria programa para ampliar acesso à internet rápida

GestãoOperadorasRedesResultados
0 0 Sem Comentários

O Ministério das Comunicações (MC) acaba de lançar o programa Brasil Inteligente, que prevê ações para a universalização do acesso à internet e o aumento da velocidade média da banda larga fixa no País.

O objetivo do programa, que é uma nova fase do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL), é garantir o acesso à banda larga de alta velocidade para 95% da população e aumentar de 53% para 70% o número de municípios cobertos com redes de fibras ópticas até 2018.

A velocidade média das conexões deverá ser de 25 Mbps e o número de acessos na banda larga fixa e móvel deve passar de 206 milhões para 300 milhões. A ampliação do PNBL,  de internet rápida, lançado em 2010, já vinha sendo discutida há alguns anos, mas nunca chegou a ser concretizada.

O ministro das Comunicações, André Figueiredo, admitiu que o projeto teve de ser readequado por causa da conjuntura econômica e política do Brasil: “Tivemos de readequar metas, prazos e valores orçados para os próximos três anos. Mas tivemos a preocupação de não mostrar algo inexequível”.

*Com reportagem de Sabrina Craide, da Agência Brasil


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor