Crowdworking Vale da Eletrônica inicia atividades para inovação

InovaçãoNegóciosStartup
0 0 Sem Comentários

Entra em operação o Crowdworking Vale da Eletrônica, programa de incentivo ao empreendedorismo e inovação realizado em parceria entre Telefônica Vivo, por meio do Telefónica Open Future, Ericsson e Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel). O Crowdworking está localizado no campus do Inatel, em Santa Rita do Sapucaí, no Sul de Minas Gerais, onde conta com infraestrutura tecnológica moderna e inovadora.

Os empreendedores passam a utilizar um espaço compartilhado criado especialmente para eles, além de toda a estrutura da Incubadora e do Laboratório de Criatividade, Ideação e Inovação do Inatel. O laboratório funcionará como um Fab Lab, onde os usuários poderão criar conceitos e testar sua viabilidade para estruturar o melhor modelo de negócio.

O local comporta impressoras 3D de última geração, máquina de usinagem para placas de circuito impresso, além de modernos equipamentos para reuniões e apresentações como sistema para videoconferência, som integrado, projetores e lousa interativa. O design é estrategicamente pensado para estimular a criatividade e proporcionar um cenário agradável e descontraído.

As equipes à frente dos projetos selecionados para o Crowdworking serão os primeiros usuários desse espaço, que também é aberto aos alunos que participam de outras atividades de empreendedorismo da instituição, empresários residentes na Incubadora do Inatel e empreendedores da comunidade externa, que sejam parceiros do Instituto. A criação do laboratório foi viabilizada por meio de um programa do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações do Governo Federal, o Sibratecshop, com recursos do CNPq.

As 20 equipes do Crowdworking, formadas por ex-alunos e alunos do Inatel, receberão suporte técnico, capacitações e mentorias dos profissionais, executivos e parceiros envolvidos no programa, além da oportunidade de obter apoio de futuros investidores e aceleradoras, como a Academia Wayra, que também integra as iniciativas do Telefónica Open Future.

Um total de 63 jovens integra os projetos. Para participar dessa primeira turma, 90 projetos foram inscritos e 42 foram pré-selecionados para os pitchs finais. Os vencedores atuam em segmentos considerados estratégicos na área da TI e Comunicação, como Internet of Things (IoT), além de soluções voltadas para a saúde e bem-estar, smart cities e aplicações para pequenas ou grandes empresas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor