Caso Oi: prorrogado prazo de inscrição em processo de recuperação judicial

FinançasGestãoLegalLegislaçãoNegóciosOperadorasRedesRegulação

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) prorrogou a consulta de interessados para administrador judicial do Processo 0203711-65.2016.8.19.0001 sobre o pedido de recuperação judicial do Grupo Oi. A decisão foi publicada hoje (8) no Diário Oficial da União.

De acordo com a agência, pessoas jurídicas interessadas em participar da consulta devem preencher, até as 18h (horário de Brasília) da próxima segunda-feira (11), um questionário disponível no site da Anatel.

A consulta de interessados tem como objetivo atender à decisão do juiz Fernando Cesar Ferreira Viana, que determinou que a Anatel indique até cinco nomes de pessoas jurídicas com idoneidade e expertise para serem avaliados para nomeação como administrador judicial do caso.

No mês passado, o grupo Oi ingressou com pedido de recuperação judicial que inclui dívidas de R$ 65,4 bilhões. A recuperação judicial é uma medida para evitar a falência adotada por uma empresa quando ela perde a capacidade de pagar suas dívidas.

*Com informações da Agência Brasil


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor