Intel e Airbus inspecionam avião de passageiros com drone

Inovação

A Intel e a Airbus anunciaram uma prova de conceito que consistiu na inspeção visual a um avião de passageiros com recurso a um drone AscTec Falcon 8 modificado com câmeras Intel RealSense. A demonstração teve lugar durante esta semana no Farnborough International Airshow, em Inglaterra, numa aeronave de passageiros Airbus.

O AscTec Falcon 8 é um drone usado, essencialmente, em levantamentos topográficos mas que desta vez foi adaptado para inspecionar um avião. O veículo aéreo não tripulado fez uma serie de imagens que depois foram compiladas num modelo digital 3D para análise de falhas nos componentes ou detetar danos. A tecnologia RealSense permite uma navegação inteligente evitando obstáculos e consiste em três câmeras que funcionam como uma só: HD 1080p, uma câmara de infravermelhos e um projetor de laser infravermelho. No teste realizado no Airbus, a câmera possuía 42 megapixels para a recolha de dados e imagens com grande detalhe.

A inspeção de qualidade das aeronaves fabricadas pela Airbus é uma etapa crucial no final do da produção antes da entrega mas é um processo lento que consome 2 horas. De acordo com as empresas, o uso desta tecnologia reduz o tempo de inspeção para 15 minutos, o que irá trazer grandes benefícios a nível de redução de custos. Para já, esta prova de conceito vai transitar para um teste em larga escala nos Airbus A330 mas a fabricante está disposta a alargar o uso dos drones a mais tarefas.

“Esta colaboração e demonstração com a Airbus revela os avanços e a inovação da Intel traz para a indústria dos drones”, afirmou em comunicado Anil Nanduri, Vice-Presidente e General Manager do New Technology Group da Intel. “Acreditamos que este protótipo com a tecnologia anti-colisão Intel RealSense no AscTec Falcon 8 permitirá melhorar ainda mais nossos produtos e nossa indústria, assim como outras.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor