Furukawa lança portal para impulsionar redes FTTx

E-commercee-MarketingEmpresasNegóciosRedes

Mais do que um e-commerce, eFurukawa oferece sistemas automatizados para configuração de projetos de redes de fibra ótica e formatação de modelo de negócios para pequenos provedores de internet (ISPs).

A Furukawa, fabricante de cabos e fibras óticas e de soluções para redes de telecom e TI, lança nesta quinta, dia 1o, um portal de comércio eletrônico voltado para provedores de internet (ISPs). Mais do que uma loja virtual, o eFurukawa tem como objetivo fomentar o mercado de redes de fibra FTTx (fiber-to-the-anywhere).

A loja é baseada em quatro pilares: produtos, serviços, supply chain e financiamento. “Uma solução de inteligência artificial simula e monta o projeto a partir de respostas a perguntas simples, como tamanho da rede, número de assinantes, tecnologia escolhida e serviços a serem oferecidos. A plataforma ajuda o empreendedor a planejar seu projeto de rede FTTx, apresentando lista de materiais, cotações e as opções de financiamento”, explica Guilherme Hoffmann, responsável pelo departamento de e-commerce e gerente de projeto do portal.

O eFurukawa é uma evolução que aproveita o know-how de seis anos da fabricante atuando junto ao seguimento de provedores de internet. “O e-commerce não é apenas uma loja, é a vanguarda do que o mercado precisa e não há algo igual no mundo. Percebemos que os empreendedores tinham dificuldade em fazer os projetos de rede e no portal poderão criar projeto de rede, ver o melhor modelo de financiamento para que isso vire um negócio”, conta Foad Shaikhzadeh, presidente da Furukawa Industrial e vice-presidente do grupo Furukawa Electric. “O conceito principal é fomentar o mercado de redes óticas no Brasil.”

Shaikhzadeh lembra que o Brasil tem características especiais com benefícios e linhas de financiamento voltados a produtos com conteúdo nacional e fabricados localmente. A loja tem um sistema de meio de pagamentos que integra além das tradicionais opções com cartões de crédito, boleto bancário e débito em conta, também cartão BNDES, o Furukawa Card (financiamento da própria fabricante) e financiamento pela Finame.

A loja funcionou em período de testes durante o mês de agosto com ISPs que já são clientes da Furukawa e registrou um total de R$ 4,5 milhões em compras em apenas uma semana. Em um mês, produtos do portfólio da Asga, fabricante brasileira de soluções GPON adquirida pelo grupo japonês, estarão também disponíveis no comércio online. “Entramos em produção industrial em escala este mês”, conta Shaikhzadeh.

Hoje a carteira de clientes da empresa soma cerca de 900 ISPs, mas a expectativa é de poder alcançar agora os 2,7 mil ISPs em atividade em todo o Brasil, já que a loja tem abrangência nacional. O centro de distribuição fica em Curitiba, mas a Furukawa não descarta usar seu centro de distribuição no Nordeste também para a loja virtual.

Também está nos planos da empresa levar o modelo de e-commerce para outros países da América Latina. “É uma experiência global e temos uma experiência muito forte com ISPs, por exemplo, na Argentina. Abrir o portal para a Argentina é o lógico, mas só em 2018, provavelmente, porque precisamos resolver a viabilidade de financiamentos”, revela o executivo da Furukawa.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor