Algar Telecom terceiriza operação de VAS com a Timwe

MobilidadeNegóciosOperadorasRedes
0 0 Sem Comentários

Grupo português Timwe será responsável por toda a gestão de conteúdos, produtos e serviços de valor adicionado da operadora brasileira por cinco anos e a expectativa da Algar é de aumentar em cinco vezes sua receita líquida de VAS.

A operadora Algar Telecom tomou uma decisão inédita no mercado de operadoras móveis brasileiro: decidiu terceirizar toda a gestão da vertical de serviços de valor adicionado para dispositivos móveis (VAS). Quem assume a gestão da área de VAS da operadora, num contrato de cinco anos, é o grupo português Timwe e, de acordo com a Algar, a expectativa é de aumentar em até cinco vezes a receita líquida de serviços de valor adicionado da tele móvel brasileira.

O anúncio da terceirização veio acompanhado do lançamento da nova plataforma de gestão de SVA da Timwe, Master Aggregator, na rede da Algar. Esse gateway de VAS já está instalado em mais de 200 operadoras em todo o mundo, mas a Algar é a primeira operadora da América Latina a instalar o equipamento da Timwe.

Em nota, Demetrio Di Martino, CEO Brasil da Timwe, garante que o Master Aggregator trará “produtos mais inovadores e maior conveniência nos pontos de contato com a operadora, criando um relacionamento mais próximo e eficiente, aumento do ARPU e incremento da receita de VAS gradual”.

Para a Algar Telecom, a terceirização tem como objetivo atender às novas necessidades dos usuários atuais. “Além de melhorar a experiência dos usuários, com um portfólio mais robusto e adequado ao perfil de cada consumidor, a operadora também se beneficia com a redução de reclamação e diminuição do churn”, detalha Osvaldo Cariijo, diretor comercial do Varejo da Algar.

Vale destacar que as receitas de valor adicionado da Algar vêm sofrendo quedas nos últimos trimestres devido à redução na utilização de SMS e MMS. Apenas no segundo trimestre do ano encerrado em julho, a redução foi de 20% em relação a igual período de 2015, somando receitas de VAS de R$ 800 mil, o mesmo que o registrado no primeiro trimestre deste ano.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor