Casal Zuckerberg investirá US$3 bilhões em ciência médica

CiênciaInovação
0 0 Sem Comentários

Mark Zuckerberg e Priscilla Chan anunciaram uma iniciativa super ambiciosa que irá juntar engenheiros, médicos e cientistas com uma causa comum: curar todas as doenças do mundo até o final do século XXI.

A Chan Zuckerberg Science foi revelada em São Francisco como um programa cujo objetivo é fazer avançar a ciência médica, permitindo a cura, prevenção e gerenciamento de todas as doenças. Essa iniciativa será liderada pela neurocientista Cori Bargmann e investirá US$ 3 bilhões de dólares durante a próxima década.

Priscilla Chan, médica pediatra, estava muito emocionada falando da iniciativa. Chegou mesmo a chorar em palco. Priscilla e Mark foram pais de uma menina, Max, no ano passado, e querem contribuir para que bebês como ela não sofram mais de doenças incuráveis.

O primeiro investimento será no BioHub, um centro de pesquisa que receberá US$600 milhões. Irá permitir trabalho conjunto de engenheiros, cientistas de computação, biólogos, químicos e outros inovadores, para que trabalhem nas questões mais urgentes da humanidade. Será liderado por Joseph DeRisi e Stephen Quake.

A estratégia, segundo disseram Mark Zuckerberg e Priscilla Chan, é juntar cientistas e engenheiros para resolverem questões científicas e abrirem caminho a revoluções médicas; construir ferramentas e tecnologias que acelerem rapidamente o que é possível fazer em pesquisa atualmente; e embarcar em um movimento para financiar ciência em todo o mundo.

Hoje, a maioria das pessoas morre de quatro tipos de doenças: coronária, cancer, neurológicas e infecciosas. Priscilla e Mark acreditam que podemos progredir mais rapidamente para solucionar esses e outros problemas.

Esse novo programa do CEO do Facebook e da mulher vem na sequência da Chan Zuckerberg Initiative, lançada no ano passado para melhorar a educação de crianças em todo o mundo.

Pelo evento passou também Bill Gates, o cofundador da Microsoft a quem Zuckerberg chamou de “mentor.” Nos últimos quinze anos, Gates tem estado profundamente ligado a filantropia, através da fundação Bill and Melinda Gates. Seu foco principal tem sido a cura da malária e poliomielite.

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor