Huawei consegue transmissão ótica de 648,5 km sem repetição

Redes

Teste de laboratório usou tecnologia 100G em uma fibra ótica de perda ultra baixa combinada com as soluções Enhanced Raman Amplifier (ERPC) e Remote Optical Pump Amplifier, sem a necessidade de usar repetidores.

A Huawei conseguiu quebrar mais um recorde de transmissão em uma rede de fibra ótica usando sistemas sem repetição. Dessa vez a chinesa conseguiu uma transmissão de 648,5 km em um teste de laboratório usando tecnologia 100G em uma fibra ótica de perda ultra baixa com soluções Enhanced Raman Amplifier (ERPC) e Remote Optical Pump Amplifier, sem a necessidade de usar repetidores.

Vale observar que quanto menor a quantidade de repetidores em uma rede de fibra ótica menor a perda de eficiência, menos ruídos.

Neste último teste, a Huawei combinou a modulação PDM BPSK, a OSDP e a terceira geração da tecnologia Soft Decision de 100G, que aborda a questão da alta dependência do módulo de compensação de dispersão e baixo PMD, ao mesmo tempo em que reduz o requisito OSNR. Houve também ganho de codificação, aperfeiçoando a capacidade de transmissão 100G ao mesmo tempo em que aumenta a distância da transmissão.

Assim a fornecedora consegue melhorar a capacidade de transmissão 100G sem repetição ao reforçar a potência de bombeio ótico e otimizar seu desempenho.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor