Microsoft Azure baixa preços de suas virtual machines

CloudData StorageNegócios

As virtual machines (VMs) Dv2 series VMs agora estão até 15% mais baratas e as A1 and A2 Basic VMs tiveram seu preço reduzido pela metade. Novos preços valem desde 1º de outubro.

Na tentativa de popularizar os serviços da sua plataforma em nuvem Azure, a Microsoft baixou em 1º de outubro os preços de muitas das suas virtual machines (VMs).

Em post no blog da Microsoft Azure, Takeshi Numoto, CVP, Cloud + Enterprise da empresa deu detalhe da redução de preços.

As máquinas virtuais de categoria intermediária Dv2 series VMs estão com um desconto de 15%, enquanto as séries de entrada A1 e A2 Basic VMs tiveram seus preços reduzidos pela metade. Para as séries de computação otimizada com alta taxa de computação e memória, a F series, a baixa de preços é de até 11%.

A Microsoft promete ainda para novembro uma nova série de VMs Av2 até 36% mais barata que a A series Standard VM disponível atualmente.

As séries A são as VMs de entrada da Azure, a opção mais econômica para desenvolvimento de workloads, teste de servidores, websites de tráfego baixo e aplicações web, por exemplo.

A Dv2 series VMs têm mais memória e maior capacidade de armazenamento local SSD. A D1-5 v2 tem processador de 2.4 GHz Intel Xeon E5-2673 v3 (Haswell), que pode chegar a 3.1 GHz com a Intel Turbo Boost Technology 2.0 e serve para a maio parte das aplicações das empresas.

Já a série F Têm uma maior relação de capacidade de processamento e memória com 2 GB RAM e 16 GB de armazenamento SSD por núcleo de CPU, otimizada para workloads de computação intensiva. A F-series usa processadores Intel Xeon E5-2673 v3 (Haswell) de 2.4 GHz, que podem chegar a 3.2 GHz com Intel Turbo Boost , ideal para processamentos de servidores web, analytics e gaming.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor