Startup portuguesa Storyo investe no mercado brasileiro

AppsMobilidade
0 1 Sem Comentários

Prestes a lançar a versão 2.0 de seu aplicativo, a startup portuguesa Storyo está investindo no mercado brasileiro, que considera propício ao tipo de tecnologia que propõe.

A empresa, que oferece um aplicativo de criação de histórias em vídeo a partir das fotos do usuário, foi uma das patrocinadoras do evento Mobile Photo Connect, em São Francisco. Foi lá que falou com a B!t sobre os planos de expansão e dessa nova versão do app Storyo.

“Fizemos alguma aquisição [de usuários] em mercados com apetência maior para o compartilhamento de histórias visuais, pessoas que usam muito o Instagram, que partilham imagens”, explica o diretor criativo Leonel Duarte. “E aí tivemos bons resultados, com um custo de aquisição bastante interessante.” O foco foi América do Sul e Ásia, e o Brasil acabou se destacando.

“Há uma maior apetência para o compartilhamento no Brasil, e as pessoas aderem mais rapidamente.” A startup efetuou testes no mercado brasileiro e comprovou que esse é um dos mercados mais interessantes para sua expansão, mais até que os asiáticos.

“Vimos onde havia mais compartilhamento de conteúdos visuais e cruzámos com o que temos preparado”, refere o responsável. É que a adaptação para PT-BR é fácil e a utilização de celulares pegou como fogo no Brasil: muitos usuários têm em seu smartphone o principal dispositivo de acesso à internet.

Além do Brasil, a Storyo está mirando Argentina e México, onde a penetração será mais fácil que em outras geografias. “Somos uma microempresa portuguesa tentando entrar num mercado saturado, difícil, e o custo de aquisição é algo que temos de ter em consideração para crescer”, pontua Leonel Duarte.

O que diferencia a Storyo de tantos outros apps que tentam capitalizar na popularidade das redes de compartilhamento de fotos? O app cria histórias em vídeos de 15 segundos a um minuto em poucos segundos. Tudo é automatizado. O usuário só tem de definir o primeiro e último dia de uma viagem ou outro evento que quer ver na história, e o Storyo minera a informação necessária para apresentar um vídeo final diferente e criativo.

Com a versão 2.0 do app, além da informação geográfica e cronológica, o Storyo também irá recolher mais dados contextuais, dar ferramentas de construção e permitir a colaboração entre usuários. Por exemplo, se você quiser criar uma história com fotos de uma viagem que fez com amigos, pode fazer o pedido de colaboração e obter resultados em segundos. A rapidez do app é seu principal ponto de promoção.

“As imagens têm um poder brutal de comunicação. Se aliarmos a isso a massificação dos canais de comunicação, a componente de imagem torna-se uma maneira de disfrutar de um maior número de assuntos de forma simples”, resume Leonel. “Queremos trazer para o storytelling a inovação que outras ferramentas trouxeram para outras áreas.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor