Vivo será palco de batalha de startups de Inteligência Artificial

InovaçãoNegóciosStartup
0 0 Sem Comentários

Inscrições estão abertas até 24 de novembro para empresas de todo o mundo que atuam com inteligência artificial e machine learning. A vencedora será acelerada pela Wyra e poderá pleitear financiamento de US$ 50 mil.

A sede da Vivo, em São Paulo, será o palco no dia 9 de dezembro da terceira edição da batalha global de startups de inteligência artificial (AI), que já passou por Boston (EUA) e Valência (Espanha). A batalha é parte do curso de verão de Machine Learning da norte-americana BigML em parceria com o Telefónica Open Future.

Serão selecionadas cinco startups para competir entre si. Elas serão avaliadas por um algoritmo de Machine Learning (o PreSeries), sem qualquer envolvimento humano, que reflete um extenso modelo preditivo gerado com informações de milhares de startups no mundo, além de considerar rodadas de investimento realizadas até o momento.

As inscrições estarão abertas até 24 de novembro, e podem ser feitas por este link.

A startup que vencer a batalha de AI será acelerada pela Wayra, do Telefónica Open Future, durante seis meses. Além de treinamento, mentoring e conexão com a rede de contatos global do programa, a empresa será avaliada e poderá receber investimento no valor de US$ 50 mil, conversível em participação de 7% a 10% por parte da Telefónica.

A vencedora também receberá US$ 120 mil em créditos da Microsoft serem utilizados em dois anos na plataforma Azure e receberá o selo de BizSpark Plus, upgrade do programa de benefícios para startups da Microsoft, que oferece créditos em Azure, acesso à plataforma de software e oportunidades de conexão com investidores e negócios.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor