Wipro cresce 10% e atinge US$ 2,1 bilhões de receita

EmpresasNegócios
0 3 Sem Comentários

A Wipro Limited, empresa de tecnologia da informação, consultoria e serviços de processos de negócios, anunciou os resultados financeiros do segundo trimestre do seu ano fiscal, concluído em 31 de setembro. A empresa obteve um crescimento de 10% em seu faturamento bruto, se comparado ao mesmo período do trimestre passado, alcançando US$ 2,1 bilhões em receita.

A receita de serviços segmentados de TI subiu 4,6% em comparação ao último ano, garantindo o valor de US$1,9 milhões de receita. As margens do setor mantiveram a porcentagem de 17,8%. Para o próximo trimestrea Wipro espera alcançar mais de US$ 1,9 milhão em receita de serviços de TI.

“Nós entregamos receitas em moeda constante e alinhadas às nossas diretrizes”, afirma Abidali Z. Neemuchwala, CEO da Wipro. O executivo referiu estar “muito animado” com a aquisição da Appirio, uma empresa de aplicações em nuvem, comprada por US$ 500 milhões. “Essa aquisição vai estabelecer o domínio da Wipro em serviços de aplicativos em nuvem e vai fortalecer ainda mais a marca da Wipro como um parceiro digital a ser escolhido”, referiu. 

Do primeiro trimestre de ano fiscal para o segundo, a empresa aumentou seu número de colaboradores em mais de 300, superando os 174 mil efetivos, e uma base de clientes acima dos 1100.

Para esse último trimestre, a empresa tem vários projetos: foi selecionada para auxiliar uma empresa global de manufatura na jornada de implementação do modelo SmartFactorypor meio de automação avançada, machine learning, internet das coisas e análise de dados; e por uma organização de Faça Você Mesmo para auxiliar a criar e definir o roadmap de produtos para o segmento de casas conectadas. Esse projeto é em parceria com a Designit.

No caso do Wipro Holmes, a empresa venceu a concorrência de uma companhia do governo australiano com sua plataforma de Discovery DataA solução vai ajudar a organização a compreender onde as suas capacidades de manutenção de ativos preditivos estão, além de proporcionar um roteiro para desenvolver capacidades analíticas. A plataforma de Dicovery Data  vai usar tecnologias de código aberto e alavancar as capacidades cognitivas a partir do Holmes, para trazer à tona os insights dos grandes e diversos conjuntos de dados.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor