Chrome aumenta vantagem nos dispositivos móveis

Mobilidade

O navegador da Google terminou o ano de 2016 com um crescimento significativo em relação ao ano anterior.

Como se consegue ver dos dados publicados pela empresa StatCounter, o Google Chrome tem aumentado sua vantagem no mercado global de navegadores para celulares e tablets. No final de dezembro de 2015 tinha 34,71% enquanto este ano vai fechar com 41 ,72%.

Por seu lado, o Apple Safari está em segundo lugar, mas perdeu terreno contra a proposta da Google, já que desceu de 22,95% para 21,37%.

O terceiro é o navegador chinês UC Browser, que também tem notícias negativas, uma vez que retrocede dos 16,59% para os 15,33%.%.

Para o Opera, a situação não tem sido boa já que embora em dezembro de 2015 tenha terminado com uma quota de mercado de 10,02%, este ano apenas alcançou 7,89%.

O próximo navegador a aparecer é o Samsung Internet, que se estreia este ano no ranking Statcounter com 5,72%, superando o proprietário navegador do Android, que tem que se contentar com 5,65%.

Finalmente, há opções bastante minoritárias, tais como Internet Explorer Mobile (0,85%), BlackBerry (0,33%) e Puffin (0,15%).


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor