Foxconn vai investir US$ 8,8 bilhões em fábrica na China

EmpresasNegócios

Uma joint venture entre a Hon Hai Precision Industry Co, mais conhecida como Foxconn, e a Sharp pretende construir uma fábrica de LCDs no valor de US$ 8,8 bilhões na China, refere a Reuters.

A fábrica da Sakai Display Products Corp., que se vai chamar Gen-10.5, será especializada em LCDs de grande formato e, segundo a Reuters, terá a capacidade para gerar uma produção no valor de cerca de 92 bilhões yuan ao ano.

A nova unidade entrará em funcionamento em 2019, conforme afirmou a companhia, hoje, durante a assinatura do acordo com representantes governamentais em Guangzhou.

Esse investimento vem na sequência das previsões do aumento da demanda de televisões e monitores de grande formato, especialmente na Ásia. Isso após o fecho da fábrica da Samsung e de várias paragens em fábricas de Taiwan, em virtude do terramoto de março.

Essa é uma área em que as tecnológicas têm apostado forte. Aliás grandes companhias como a BOE Technology Group, maior fabricante de painéis LCD da China, e a TCL já iniciaram ou têm previsto planos para a construção de fábricas de produção desse tipo de produtos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor