SAP aumenta subscrições na nuvem em 31% no quarto trimestre

CloudEmpresasNegócios

A SAP reportou resultados muito interessantes para seu negócio na nuvem no quarto trimestre de 2016 e na totalidade do ano fiscal, terminado em 31 de dezembro. A provedora alemã obteve um crescimento de 31% nas subscrições e receitas de suporte na nuvem, que alcançaram € 827 milhões nos últimos três meses do ano.

Já na totalidade de 2016, a receita em cloud e software cresceu 7%, acima do ponto médio previsto para o ano. As subscrições de cloud e as receitas de suporte foram de € 2,99 bilhões, alcançando a perspetiva indicada pela SAP em outubro. 

No trimestre, as receitas em cloud e software cresceram 7% em relação ao mesmo período do ano anterior, o que deixou a empresa bem satisfeita. “A SAP continua superando seu principal concorrente no crescimento das receitas em cloud e software”, afirmou a provedora em uma release. O total de subscrições de cloud e as receitas de suporte de software ultrapassou 61% da receita total para o ano de 2016, um aumento de 2 pontos percentuais.

A tendência positiva se refletiu também nos novos contratos em cloud, que cresceram 40% no quarto trimestre e alcançaram 483 milhões de euros. “A SAP está cumprindo de forma consistente e atingiu todos os indicadores de previsões para a totalidade do ano, mesmo após estes terem sido aumentados”, referiu o diretor financeiro da empresa, Luka Mucic. “O crescimento de 40% em novos contratos de cloud no quarto trimestre foi excepcional. Nosso forte backlog juntamente com nosso robusto pipeline nos leva a projetar mais um ano de crescimento rentável em 2017 e permite aumentar a confiança em nossa grande ambição para 2020”, sublinhou.

Os novos contratos em cloud também aumentaram 31%, para € 1,15 bilhão, enquanto as subscrições de cloud e o backlog de suporte aumentaram 47% para € 5,4 bilhões. 

Com respeita a lucros, boas notícias também: o lucro operacional em 2016 foi de € 5,12 bilhões, em linha com o previsto, e os ganhos por ação aumentaram 18% para € 3,03. No trimestre, os lucros subiram 14% para €1.94 bilhão. 

SAP S/4HANA

A adoção de S/4HANA duplicou em relação ao mesmo período do ano anterior para mais de 5.400 clientes. No quarto trimestre cerca de 1.300 clientes adicionais realizaram contrato, dos quais cerca de 30% são novos, com destaque para Nike e Ameco Beijing.

Human Capital Management

O número de clientes para a solução SAP SuccessFactors Employee Central foi de 1.580 no final do quarto trimestre. Entre os novos clientes estão a Mercedes-AMG e a Valentino. 

“O desempenho extraordinário da SAP em 2016 é o mais recente dos sete anos de crescimento de nossa rentabilidade”, comemorou o CEO da empresa, Bill McDermott. O executivo defendeu que a empresa é a líder da indústria de software empresarial. “Nossa agenda de inovação está acelerando em machine learning, Internet das Coisas e Blockchain. A SAP está crescendo bastante e tem enorme confiança em nossa acelerada ambição para 2020.”

Nessa altura, a empresa pretende obter € 29 bilhões de receitas totais.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor