Yahoo bate expectativa no quarto trimestre

EmpresasNegócios

A Yahoo registrou resultados melhor que o esperado no quarto trimestre de 2016, reportando ganhos de US$ 162 milhões ou 17 cêntimos por ação. É uma recuperação assinalável quando comparada com a perda de US$ 4.43 bilhões no mesmo período do ano anterior – algo devido a custos com despedimentos e ajuste no valor de aquisições anteriores da empresa.

A receita total da Yahoo nos últimos três meses do ano passado foi de US$ 1.47 bilhão. Com a subtração de comissões pagas aos parceiros publicitários, a receita foi de US$ 960 milhões, um pouco abaixo de US$ 1 bilhão no ano anterior. Essa queda de 4% foi, no entanto, bem inferior às derrapagens de duplos dígitos dos trimestres anteriores.

Quanto ao ano fiscal de 2016, a receita caiu 14% para US$ 3.52 bilhões, depois de deduzidas as comissões. De acordo com a Associated Press, foi a receita anual mais baixa da Yahoo desde 2004 – uma altura em que a empresa gerava mais receita que a Google.

Apesar da baixa, o desempenho no quarto trimestre foi melhor que o esperado, numa altura em que a Yahoo está lidando com várias crises em meio ao negócio de venda de US$ 4.8 bilhões à Verizon. A principal crise se relaciona com um mega vazamento de dados de centenas de milhões de usuários, o maior da história.

“As oportunidades com a Verizon parecem boas”, disse Marissa Mayer, que liderou a empresa nos últimos quatro anos sem conseguir virar a tendência de deterioração do negócio da pioneira digital.

O acordo de aquisição continua de pé, mas a Yahoo revelou que sua conclusão será adiada por três meses, estando previsto para o segundo trimestre do ano. O Wall Street Journal reportou que o regulador SEC abriu uma investigação sobre a forma como a Yahoo lidou com a falha de segurança.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor