Dynatrace oferece “UFOs” em 3D para ajudar equipes de DevOps

DevOpsProjetos
0 0 Sem Comentários

A Dynatrace, anuncia um dispositivo do UFO, que ilumina quando algum problema é detectado no código de uma aplicação. Os UFOs são voltados para empresas com equipes distribuídas em diferentes locais, para ajudar a regular a qualidade e melhorar a comunicação interna em cada estágio do processo de desenvolvimento.

 Os UFOs da Dynatrace – nome inspirado em sua aparência peculiar similar a um disco voador – são colocados nos tetos dos departamentos e conectados com as plataformas de monitoramento de performance digital. O dispositivo fornece atualizações visuais de status sobre a qualidade do código tanto no desenvolvimento como na produção. Quando tudo está bem, as luzes do UFO ficam verdes, mudando para vermelhas quando problemas são identificados para avisar os engenheiros sobre degradações de códigos que poderiam impactar a experiência do usuário ou aumentar custos operacionais. Todas as luzes devem ficar verdes antes de o código ser avançado para o próximo nível do cronograma de desenvolvimento, ajudando a garantir que a qualidade do código foi reforçada em cada estágio do processo. Além disso, como o UFO fica visível no teto do escritório, todo mundo pode olhar para cima e obter uma atualização no status de um projeto.

Andreas Grabner, Estrategista de Tecnologia na Dynatrace, explica o fundamento da inovação.  “Considero o desenvolvimento como algo semelhante a um carro em uma linha de montagem. Você pode ter uma equipe trabalhando nas portas, outra no motor, mas no fim é preciso juntar tudo e funcionar. É o mesmo para os serviços digitais. Se você está fazendo uma aplicação bancária on-line, um grupo vai trabalhar no login, outro na visualização de conta e assim por diante. Se cada time usar um UFO, toda a linha de produção trabalhará muito mais facilmente. Existe uma garantia de qualidade em cada estágio, visto que um código não pode evoluir até que esteja perfeito. Com esse sinal visual, fica mais fácil proteger a performance digital, já que ele assegura que apenas o código de qualidade impulsione a produção.”

Os UFOs visualizam a qualidade em cada fase do processo de desenvolvimento, com um dispositivo separado para cada aplicação ou equipe específica. O disco superior de LED monitora a performance da aplicação conforme ela se desenvolve. O disco inferior mostra o status da aplicação quando ela está em produção. Se existem assuntos que impactam o desempenho digital, os LEDs ficam vermelhos, alertando os desenvolvedores sobre problemas que precisam ser corrigidos para proteger a experiência do usuário. Como os UFOs avisam os engenheiros em tempo real, os erros podem ser resolvidos rapidamente, assegurando que a qualidade do código seja mantida por todo o ciclo de desenvolvimento.

“Toda a essência do DevOps é baseada em colaboração e compartilhamento, então nós queremos encontrar uma forma de propagar esse espírito. Os escritórios frequentemente têm grandes equipes de desenvolvedores, espalhadas por diferentes andares e departamentos, dificultando a conexão entre elas. Como você pode saber se as pessoas estão fazendo muito esforço, ou se frustrando, se você não pode conversar com elas? Nossos UFOs ajudam os times a se comunicarem da mesma forma que um passeio rápido pelo escritório ou uma espiada em outro lado da sala pode alertá-los sobre problemas. A colaboração é a base dessa nossa plataforma. Por isso, oferecemos os projetos para que os desenvolvedores possam construir seus próprios UFOs, caso tenham uma impressora 3D. Esse é um simpático mecanismo de DevOps que não é atrelado ao serviço de um fornecedor e que acreditamos que todos irão se interessar”, diz Grabner.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor