Vendas mundiais de smartphones cresceram 5% em 2016

MobilidadeSistema OperacionalSmartphones
0 0 Sem Comentários

No quarto trimestre de 2016, as vendas globais de smartphones atingiram 432 milhões de unidades, um aumento de 7% face ao mesmo período de 2015, aponta o Gartner. Em termos anuais, registraram-se quase 1,5 bilhão de unidades vendidas, um crescimento de 5% com relação ao ano anterior.

A Apple ganhou avanço em relação à Samsung no último semestre do ano, tendo mesmo ultrapassado a sul coreana mas a diferença entre as duas é de apenas 256 mil unidades. No entanto, se olharmos para os dados anuais, a Samsung continua sendo a líder mundial de fabricantes de smartphones. 

“Esse é o segundo trimestre consecutivo de queda nas vendas de smartphones da Samsung. Além da redução de 8% nas vendas, a participação da empresa no mercado diminuiu 2,9% em comparação ao ano passado”, afirma Anshul Gupta, Diretor de Pesquisa do Gartner.

“As vendas de smartphones da Samsung começaram a cair no terceiro trimestre de 2016 e a decisão da companhia de descontinuar o Galaxy Note 7 desacelerou a comercialização de seu portfólio de celulares no trimestre seguinte. A retirada do Galaxy Note 7 deixou uma lacuna na categoria de telefones com tela grande”, explica Gupta.

A empresa de Cupertino também beneficiou da fraca demanda pelos smartphones da Samsung em mercados mais desenvolvidos como a América do Norte e a Europa. 

A Huawei, a Oppo e a BBK foram responsáveis por 21,3% dos smartphones vendidos para os usuários finais em todo o mundo durante o quarto trimestre de 2016, um aumento de 7,3% ante 2015. Em relação à Huawei, o grande responsável pelo sucesso da marca é o Mate 9.

Já a nível anual, a Huawei mantém o terceiro lugar, com um market share de 8%, destacada da Oppo e a BBK, que possuem 3,2% e 2,8% de quota de mercado, respetivamente. Além do quarto lugar a nível mundial, a Oppo manteve a liderança de vendas na China.

Segundo o Gartner, as marcas chinesas como a Oppo, BBK, Huawei, ZTE, Xiaomi e Lenovo vão continuar ganhando market share pois suas estratégias de vendas fora do mercado chinês são cada vez mais agressivas. 

A nível de Sistemas Operacionais (OS), o Android ampliou sua liderança tendo atingido, em 2016, cerca de 84,8% de quota do mercado. Este é único sistema operacional a crescer de um ano para outro.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor