WOW abre inscrições para programa de aceleração de startups

NegóciosStartup

A WOW, aceleradora com sede em Porto Alegre, está em busca de novas startups para a 8ª rodada de seu programa de aceleração. A intenção é buscar projetos com “ótimo potencial de crescimento.”

A WOW já acelerou 35 startups em todo o Brasil e neste semestre vai escolher mais cinco para receberem investimentos de R$ 50 mil ou R$ 150 mil, dependendo da atual fase da empresa no mercado.

Para se candidatar, as startups devem estar em um estágio “pré-operacional”, em que já possuem um protótipo, mas ainda não geram receita; ou em crescimento: startups que já tenham tenham tração comprovada ou recebido algum investimento.

André Ghignatti, diretor-executivo da WOW, explica que disponibilizar a experiência e o networking do grupo de investidores  é um dos principais diferenciais da aceleradora para o desenvolvimento das startups. “O programa é focado na construção de modelos de negócios vencedores que tem a possibilidade de aumentar a chance de sucesso dos empreendimentos, conquistar clientes, alinhar parceiros estratégicos e buscar investidores para o crescimento da empresa”, adianta o executivo.

Atualmente a WOW conta com mais de 90 investidores e mentores especialistas em diferentes áreas, que agregam valor estratégico e que estão comprometidos com o sucesso do negócio. O processo de aceleração tem duração de 6 meses e após este período  a WOW mantem reuniões de acompanhamentos com as empresas aceleradas, ajudando e dando novas mentorias de acordo com a necessidade.

Além do aporte financeiro as startups também recebem ajuda com infraestrutura física, capacitação, consultorias em marketing digital e vendas, mentorias, plataformas de serviço e de hospedagem, assessoria de imprensa, jurídica e contábil além do apoio da equipe da aceleradora e do intercâmbio com as outras startups aceleradas.

As inscrições podem ser feitas pelo site da Aceleradora WOW até o dia 11 de março. No dia 6 de maio será realizado o “WOW Day” com a participação dos finalistas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor