70% das empresas mundiais preocupadas com armazenamento de dados

Data StorageStorage

Um novo estudo da Suse demonstra que a maioria das empresas de média e grande dimensão estão analisando a passagem para uma estratégia de armazenamento software-defined e que o crescimento exponencial dos dados empresariais é uma preocupação cada vez mais importante.

A pesquisa “State of Storage”, que inquiriu 1200 decisores de TI  de 11 países em todo o mundo, concluiu que as empresas estão procurando de soluções que vão de encontro às demandas de seu negócio, nomeadamente relacionadas com redução de custos, desempenho e complexidade.

Cerca de 60% das empresas afirma que as despesas com o armazenamento estão sob forte escrutínio de outras áreas de negócio e 95% indica que tem interesse na escalabilidade e eficiência do armazenamento software-defined. 

Mais de 63% refere que vai começar a adotar uma abordagem de armazenamento software-defined nos próximos 12 meses.  De acordo com o estudo, a maioria das empresas inquiridas utiliza, atualmente,  hybrid flash & disk (62%) ou disk-based systems (61%).

 

Além do mais, 9 em cada 10 organizações dizem estar preocupadas com o gerenciamento dos crescentes custos de armazenamento, isso à medida que os requisitos de capacidade aumentam. Também uma proporção similar diz estar preocupada com esse impacto na transformação digital de sua empresa. Segundo ao relatório da Suse, uma média de 7 por cento dos orçamentos de TI são alocados ao armazenamento de dados.

Já 71% dos inquiridos afirmou que os seus sistemas de armazenamento são complexos e altamente fragmentados. Como resultado, as empresas estão apontando como prioridade, nos próximos 12 meses, simplificar sua abordagem de armazenamento.

«Na economia atual, cada empresa é essencialmente uma empresa de armazenamento de dados», disse Joseph George, vice-presidente de Solution Strategy da SUSE.

«O armazenamento está num período de inflexão, onde as abordagens de armazenamento tradicionais estão a ser reavaliadas, à luz de exigências de dados crescentes e mais escaláveis e opções mais acessíveis. Felizmente, existe um fluxo de inovação vindo da comunidade open source para ajudar as empresas a reduzir os custos e as frustrações de implementação. Os resultados deste estudo sublinham a necessidade das empresas observarem uma abordagem mais flexível para ir ao encontro das crescentes necessidades de armazenamento de dados», referiu ainda, em comunicado, o executivo.

Os resultados do estudo podem ser consultados aqui


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor