Salesforce adiciona funções e parceiros ao Health Cloud

CloudCRMe-Marketing
1 1 Sem Comentários

A Salesforce adicionou várias novas funções ao Health Cloud, a solução de gerenciamento de relacionamento de clientes baseada em nuvem e centrada nos pacientes. As principais novidades são o Lead-to-Patient Conversion, Risk Stratification e Advanced Segmentation

Além disso, os parceiros da Salesforce estão expandindo o Health Cloud para um melhor gerenciamento de pacientes ao longo de toda a jornada de assistência médica.

A especialista em CRM na nuvem cita uma pesquisa que conduziu no ano passado, “2016 Connected Patient Report”, na qual 59% das pessoas disseram preferir um médico que ofereça um aplicativo para consultas, faturas e dados de saúde, e 46% preferiam um médico que ofereça cuidados virtualmente ao que não tenha essa facilidade.

“Estamos vivendo em uma era em que uma experiência incrível em um lugar torna-se a nossa expectativa para todos os outros. Por esse motivo, os profissionais de saúde são cada vez mais pressionados a usar tecnologias modernas e inteligentes para nutrir relacionamentos sólidos com os pacientes”, afirma Joshua Newman, Chief Medical Officer da Salesforce. O especialista dz que isso está se tornando o maior diferencial para os profissionais da área.

“As novas funções e a expansão do ecossistema do Health Cloud solucionam uma variedade impressionante de desafios, equipando os profissionais da saúde com novas ferramentas para interagir com seus pacientes e proporcionar experiências conectadas ao longo de toda a jornada de atendimento”, defende.

Health Cloud

A solução foi lançada em 2016 para ajudar os profissionais da saúde a prestar serviços mais eficientemente. A expansão de funcionalidades está dividida em três:

•    O Lead-to-Patient Conversion permite que coordenadores de serviços convertam pacientes em potencial em relações duradouras, personalizando planos e equipes de atendimento. Os dados de pacientes em potencial podem ser importados do Salesforce Sales Cloud, Service Cloud ou a partir de uma integração com um EHR (histórico de saúde eletrônico), data warehouse, sistema de registro de paciente ou central de atendimento. No Health Cloud, os dados do paciente podem ser usados para criar planos de saúde únicos, mapear relacionamentos com o paciente e muito mais, o que poupa horas de inserção de dados e trabalho administrativo.
•    O Risk Stratification usa ferramentas de analítica para identificar e focar pacientes com os fatores de risco mais altos. O Health Cloud passa a ter funções integradas do Salesforce Analytics Cloud e pode calcular automaticamente as pontuações de risco para cada paciente com base no modelo padrão do setor (Center for Medicaid Services Hierarchical Condition Category).
•    Com o Advanced Segmentation, as equipes de atendimento podem filtrar populações de pacientes usando dados clínicos e não-clínicos, como diagnósticos e dados demográficos, a fim de criar abordagens personalizadas para alcançar novos clientes.

Por exemplo, um médico que usa o Health Cloud pode segmentar rapidamente todos os pacientes acima de 65 anos que tenham diabetes, ou os pacientes que receberam alta de uma cirurgia no joelho nos últimos 30 dias e, em seguida, enviar lembretes de retornos, pesquisas ou materiais informativos para todos de uma só vez, poupando tempo e melhorando os resultados.

Outra novidade é que, nos próximos meses, os parceiros da Salesforce lançarão aplicativos que podem ser instalados por meio do Salesforce AppExchange. Entre as soluções está o Fitango,   FormFast,  Healthwise, Interpreta, myStrength, Sirono Vocera.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor