A McAfee está de volta

CyberwarEmpresasFirewallNegóciosSegurançaVírus

A McAfee volta ao nome original e a ser uma empresa de segurança cibernética independente.

Demorou tempo mas finalmente a Intel reconheceu que nunca deveria ter tentado apagar o nome da marca McAfee, a força da marca no mundo era de fato incontestável mas a Intel decidiu arriscar, quando da compra da empresa e associa-la ao seu nome. Nunca é tarde para refazer estratégias e certamente com a foça da Intel e o regresso da marca McAfee o mercado da cibersegurança reencontra um velho e poderoso palyer.  A Intel tem tudo para fazer da McAfee líder de soluções de segurança. 

A marca americana que foi avaliada em 4,2 mil milhões de dólares, terá como novo CEO Christopher Young, que era o ex-Diretor Geral da Intel Security.

Além disso, foi anunciado que a Thoma Bravo, empresa de investimentos de capital privado, uniu-se à empresa como investidora minoritária, sendo que a Intel mantém 49% da participação na sociedade.

A companhia também traçou uma nova visão estratégica, focada em inovação, confiança e colaboração. De recordar que a McAfee possui mais de 7.500 profissionais ao seu serviço e que as suas soluções protegem, diariamente, mais de 74,9 milhões de endpoints.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor