Mercado de moedas digitais ultrapassa US$ 30 bilhões pela primeira vez

FinançasInovaçãoNegócios

O mercado mundial de moedas digitais está em expansão e atingiu os preços mais altos de sempre, ultrapassando a fasquia dos US$ 30 bilhões. O Bitcoin chegou a R$ 4.500 pela primeira vez em sua história.

O  Bitcoin é a primeira e mais conhecida moeda digital mas, atualmente, existem mais de 700 moedas digitais a serem negociadas em todos em mundo. A Ether, por exemplo, é a segunda moeda mais negociada.

No Brasil, além de Bitcoin, é  possível comprar Litecoins, que está sendo negociados por 50 reais, maior preço desde março de 2014.

“Os brasileiros que querem comprar outra moeda que não sejam bitcoins ou litecoins, normalmente compram bitcoins no Brasil, enviam para alguma plataforma do exterior, e compram as outras moedas pagando com Bitcoin”, diz André Luiz Oda, sócio do Mercado Bitcoin.

Atribui-se essa alta generalizada a diversos fatores, entre os quais a não dependência de países e sistemas financeiros locais,  os avanços técnicos que estão ocorrendo nas principais moedas, tecnologia de armazenamento dos dados, entre outros.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor