Ministério Público do Espírito Santo amplia produtividade com solução em nuvem

Cloud

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo adotou Microsoft SharePoint para melhorar suas operaçõs e processos internos tendo a implementação da tecnologia de cloud computing estado a cargo da Brasoftware.

“O Ministério precisava de uma solução que pudesse armazenar e compartilhar com toda a equipe, seja ela de funcionários locais ou remotos, facilitando a disseminação de conteúdo, inclusive em dispositivos móveis”, destaca André Oliveira, Gerente de Solução da Brasoftware.

O Microsoft SharePoint é uma plataforma de comunicação e colaboração que permite acessar a arquivos simultaneamente e de qualquer lugar, e ainda deixar notas e compartilhar arquivos de forma estruturada.

“Funciona como uma espécie de nuvem privada, que existe somente para o Ministério Público. O valor agregado desse projeto era viabilizar que eles pudessem ter infraestrutura proprietária, com acesso local e remoto documentos, PDFs e imagens”, acrescenta o executivo.

A implementação durou cerca de dois meses e os funcionários do órgão público, que estavam habituados com os tradicionais file servers para armazenamento de conteúdo, começaram a usar uma tecnologia mais flexível e de acesso remoto que tornou mais produtivo o dia a dia da instituição.

“Optamos pelo SharePoint porque ele provém vários recursos, como o Microsoft OneDrive, para compartilhamento de dados. Como fazemos parte de um grande órgão público com intensas demandas, preferimos fazer a migração para a nuvem de forma gradual, oferecendo aos nossos funcionários uma nuvem interna num primeiro momento para depois migrar para uma externa”, enfatiza Adeilson Brito, Diretor de TI do MP. “Em cinco anos, queremos que 70% dos nossos serviços estejam hospedados na nuvem.”

O responsável de TI deu um exemplo prático de como a tecnologia na nuvem mudou o funcionamento do MP. “Imagine que a Polícia Civil queira enviar 30 megas de arquivo para o MP. Da forma antiga, tentávamos fazer essa troca de informações por e-mail, mas hoje nem todo sistema de mensagens corporativo suporta anexos deste tamanho. Agora o usuário que vai usar esses arquivos compartilha uma pasta no SharePoint, facilitando também a comunicação externa”, concluiu.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor