Proteção avançada para endpoint da Palo Alto já suporta macOS e Android

Segurança

A Palo Alto Networks, fornecedora de soluções de segurança corporativa, anuncia recursos adicionais ao Traps, sua solução de proteção avançada para endpoint. Além do mais, amplia o suporte para os sistemas operacionais macOS e Android (beta).

O Traps emprega uma abordagem de múltiplos módulos de prevenção para bloquear tanto malwares conhecidos quanto os desconhecidos, assim como os exploits, antes que comprometam os endpoints. Os módulos são injetados nos processos do usuário e agem como “armadilhas”, como o próprio nome em inglês indica,  para acionar e bloquear o invasor na primeira tentativa. 

A versão 4.0 da proteção avançada para endpoint da Palo Alto atende aos desafios do mercado, além de adicionar suporte para macOS e Android (beta). Os principais avanços anunciados incluem proteção contra macros maliciosos, que previnem ataques que são incorporados em documentos Office; prevenção de ataques baseados em script; kit de proteção de impressão digital para exploit, que interrompe tentativas de ataques através do bloqueio das ferramentas de perfil dos endpoints; e proteção de escalação de privilégio no kernel, que bloqueia ataques avançados visando o próprio sistema operacional.

“A abordagem única do Traps interrompe ataques preventivamente, bloqueando as técnicas que os agentes maliciosos mais confiam, incluindo ataques que nunca foram vistos anteriormente. Os avanços anunciados estendem a proteção para macOS e Android e acrescentam técnicas de ataques que podem ser prevenidos, incluindo ataques baseados em macro e em script, técnicas de impressão digital, e escalação de privilégios no kernel. Essas proteções aumentam o poder de nossa plataforma de segurança para evitar que ameaças avançadas ou sem conhecimento prévio se infiltrem nas empresas.”, indica Lee Klarich, vice-presidente executivo da Palo Alto Networks.

Adicionalmente, quando implementado em conjunto com outros elementos da plataforma de segurança da Palo Alto Networks, o Traps 4.0 permite aos clientes correlacionar ocorrências de endpoint e segurança de rede com informação inteligente de ameaças via Panorama, ferramenta de gerenciamento centralizado, para diminuir riscos de violações cibernéticas pelos endpoints, firewalls, nuvens e aplicações SaaS.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor