Target terá de pagar US$ 18,5 milhões por vazamento de dados ocorrido em 2013

Segurança

Quase quatro anos após a violação massiva de dados que ocorreu no sistema da Target, a companhia é condenada a pagar US$ 18,5 milhões para encerrar o caso que investiga violação e vazamento de dados ocorrido em 2013. O caso afetou mais de 40 milhões de clientes da empresa

De acordo com o procurador geral do estado de Connecticut, George Jepsen, a Target teria sido negligente com a segurança de seus sistemas e, portanto, deve responder por isso. “Milhões de consumidores no país foram impactados por essa violação de dados e, acreditamos, por meio de uma investigação multiestadual, os protocolos de segurança de dados da Target eram inadequados”, afirmou.

A varejista se pronunciou, por meio de porta-voz, afirmando que está “aliviada por trazer uma solução ao caso”. A companhia trabalhou lado a lado com os estados durante todo o tempo posterior ao ocorrido a fim de endereçar danos causados pela violação.

O dinheiro será arrecadado para 47 estados dos EUA, além do Distrito de Columbia (DC), sendo que a Califórnia será a região a ficar com a maior parcela: cerca de US$ 1,4 milhão.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor