Novo golpe no WhatsApp usa McDonald’s como isca

AppsMobilidadeSegurançaVírus

Um novo golpe atinge usuários do WhatsApp e usa o McDonald’s como isca para atrair vítimas – e já enganou mais de 100 mil brasileiros em menos de 24 horas, de acordo com a PSafe.

A farsa consiste no envio de um cupom promocional que garante R$ 70 em desconto na rede de restaurantes.

Como é solicitado ao usuário que ele compartilhe o link com 10 contatos para poder resgatar o cupom, a ameaça é facilmente disseminada.

Além disso, o usuário também é induzido a se cadastrar em sites que realizam cobranças indevidas e também a baixar falsos aplicativos.
Especialistas da empresa de segurança complementam que os cibercriminosos utilizaram cores oficiais da empresa para tornar o golpe mais real.

Até o momento, três domínios maliciosos envolvendo o golpe foram identificados. “Essa iniciativa adotada pelos crackers visa dificultar a identificação e bloqueio da armadilha”, afirma Emilio Simone, gerente de Segurança da PSafe.

o especialista complementa que, como ferramenta de prevenção, os usuários devem sempre checar no site oficial da empresa a fim de confirmar a veracidade de campanhas desse tipo. “O usuário deve estar atento a qualquer tipo de promoções exageradas que chegam por mensagens, checando sempre se a promoção é real. Além disso, é imprescindível que se tenha instalado um software de segurança com a função ‘antiphishing'”, encerra Simone.

Essa não é a primeira vez que a rede de fast-food foi usada como isca em um golpe via WhatsApp. Uma campanha com as mesmas características já havia sido identificada em 2016 pela empresa de segurança Eset – o que mostra que é eficiente em conquistar vítimas, visto que sofreu pequenas alterações para continuar na ativa.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor