UE quer liberar regras para funcionamento de drones em 2019

GestãoLegislação

A Comissão da União Europeia para controle de tráfego aéreo está planejando ter regras estabelecidas para o funcionamento seguro de na região já em 2019. A ideia é que, dentro de dois anos, drones que já estão passeando pelo espaço aéreo da região possam ser registrados oficialmente.

Dessa forma, de acordo com a Comissão, evita-se que drones sobrevoem espaços proibidos, por exemplo. Além disso, a UE também pretende criar um sistema de gerenciamento de tráfego para drones não-tripulados parecido com o que já existe para aviões tripulados.

Atualmente, as regras para drone a nível da UE regulam apenas os equipamentos que pesam menos 330 libras (ou 150 quilogramas), bem como obrigam o registo de drones não tripulados acima dos 250 gramas.  Além disso, os estados membros são responsáveis pela elaboração de suas próprias regras nacionais.

Essa fragmentação também foi um dos motivos pelo qual a UE quer definir regras. “Essa fragmentação dificulta o desenvolvimento de novos produtos, a rápida introdução de tecnologias e também pode criar riscos para a segurança”, diz a declaração sobre o novo cronograma do regulamento.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor