União Europeia multa Google em US$ 2,7 bilhões por violações no serviço de Shopping

E-commercee-MarketingLegalRegulação

A Comissão Europeia aplicou uma multa ao Google no valor de € 2,42 bilhões, ou cerca de US$ 2,7 bilhões. O motivo? A empresa estaria priorizando buscas no serviço de Shopping que beneficiaria a empresa – o que caracteriza violação de regras antitruste.

Na prática, isso significa que serviço de comparação da companhia é muito mais visível para consumidores nos resultados de pesquisa do Google, enquanto serviços de comparação rivais são muito menos visíveis.

Essa foi a maior multa que a UE aplicou nesse sentido, desde o caso da Microsoft, que foi acusada de abusar de sua posição de liderança no mercado, em 2004. A gigante de Mountain View tem 90 dias para se adequar às regras da UE, caso contrário, ela deverá arcar com a multa.

“O Google precisa respeitar um princípio simples – deve dar tratamento igual para serviços de comparadores rivais e para o próprio serviço. Ele deve aplicar o mesmo método e processos para posicionar e exibir seu próprio serviço e o de rivais nos resultados de buscas”, disse Margrethe Vastager, chefe da divisão antitruste da UE.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor