1.64 milhão de arquivos maliciosos detectados nos últimos 12 meses

Segurança

A Security4IT apresentou seu Índice de Cyber Ataques que aponta que, só no último ano, foram detetados 1.64 milhão de arquivos maliciosos. A análise tem como base amostra de ambientes atendidos pela companhia e avaliados por meio da ferramenta Check Point SandBlast Service Cloud.

O índice mostra que, no período indicado, foram submetidos mais de 40 milhões de arquivos para análise dos quais 4% (1.64 milhão) foram identificados como maliciosos e desconhecidos de proteções tradicionais como antivírus e Intrusion Prevention System (IPS).

Isto demonstra o quanto as empresas e os usuários têm de se proteger contra ciberataques, procurando aumentar seus perímetros de segurança mas também os tornando mais inteligentes. É que qualquer dispositivo pode ser o ponto de entrada numa organização.

“O atual universo de dispositivos conectados e a crescente tendência de BYOD (Bring Your Own Device, em inglês) gera muitas questões sobre as ameaças cibernéticas para as empresas e para o mercado de maneira geral”,  afirma Rodrigo Souza, Diretor de Tecnologia na Security4IT.

“É preciso estar atento e ter soluções robustas que permitam avaliar todos os pacotes de dados recebidos e compartilhados, por meio do controle de todos os acessos à rede da organização e caso uma anomalia seja identificada, é mandatório ter um plano de ação ágil e eficaz”, completa o executivo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor