Symantec apresenta plataforma Endpoint Security for Cloud Generation

CloudSegurança

A solução reúne tecnologia de dissimulação, defesa contra ameaças móveis, detecção e resposta para endpoints (EDR) e proteção reforçada e intensiva por meio de uma capacidade avançada de aprendizagem automática.

Desenvolvida com base na plataforma Symantec Endpoint Protection (SEP), a nova plataforma oferece a melhor proteção e a melhor detecção de sua categoria integradas em um único agente, ajudando os clientes a enfrentar os desafios da geração da nuvem ao simplificar e otimizar seus ambientes, reduzir os custos e melhorar a segurança.

A Endpoint Security for Cloud Generation aplica uma abordagem ampla e oferece dissimulação em escala, que faz os agressores acreditarem que conseguiram invadir uma organização, quando, na verdade, são desviados para um ambiente falso. As técnicas de dissimulação são oferecidas como parte do SEP 14.1, e a Symantec é a primeira a oferecê-las ao mercado de proteção de endpoints. 

Por outro lado, permite a defesa contra ameaças móveis por meio do SEP Mobile, ajudando organizações a proteger tanto os dispositivos pessoais (BYOD) quanto os corporativos, e detecção e resposta para endpoints com o Advanced Threat Protection 3.0. Além disso, a Symantec expande essa proteção por meio do Symantec Endpoint Detection and Response Cloud, um serviço baseado em nuvem que pode ser implantado em minutos e ajuda a fortalecer a postura de segurança das empresas contra ataques virtuais.

Já o Symantec EDR Cloud, incluido na solução, melhora a produtividade dos investigadores com manuais de estratégia para resposta a incidentes pré-montados que oferecem as habilidades e melhores práticas dos analistas de segurança mais experientes a qualquer organização, gerando uma redução significativa nos custos.

O SEP 14.1 aplica técnicas avançadas de aprendizagem automática e análise comportamental para habilitar uma proteção intensiva que pode ser otimizada para os ambientes dos clientes. A solução inclui, ainda, o SEP Hardening que impede explorações de vulnerabilidades, incluindo ataques de dia zero, e reduz o dano dos ataques ao proteger e isolar atividade suspeitas e maliciosas direcionadas a aplicações de uso comum. 

“Nossa nova solução para endpoints é exatamente o que nossos clientes vinham pedindo: as melhores capacidades da categoria integradas em um único agente para ajudá-los a simplificar, reduzir os custos e combater de forma efetiva ameaças avançadas, malware e ransomware”, declarou Mike Fey, presidente e COO da Symantec.

“O mais importante é que essas tecnologias não estão simplesmente integradas, – frente a frente com suas contrapartes isoladas no setor, elas as superam. Nós a chamamos de Endpoint Security for the Cloud Generation (segurança de terminais para a geração da nuvem); e temos muito orgulho em oferecer esse nível de avanço a nossos clientes “, completou o executivo.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor