TROX Brasil implanta IoT e realidade aumentada para monitorar qualidade do ar

InovaçãoNegóciosProjetos

A empresa especializada na fabricação e venda de componentes, unidades e sistemas de ventilação e ar condicionado, adota a solução de IoT (Internet of Things) e realidade aumentada (RA) da americana PTC.

A subsidiária brasileira da multinacional de origem alemã é a primeira a garantir a qualidade do ar de hospitais, laboratórios farmacêuticos, ambientes industriais e comerciais por meio de automação, sensores e IoT. A solução também monitora os componentes dos aparelhos de ar condicionado industriais, inovando o processo de manutenção preventiva com alta tecnologia e conectividade.

A solução ThingWorx da PTC, permite que a TROX Brasil acompanhe a vida dos componentes de seus equipamentos, como também a qualidade do ar tratado por meio de sensores que medem a temperatura, pressão, vazão de ar e água dos equipamentos. 

Esses dados vão depois originar relatórios diários que mostram a empresa, como o cliente utiliza os equipamentos e permitem que a  TROX consiga programar a manutenção preventiva e reparos, antes que desgastes provoquem a parada do equipamento.

“Recebemos os dados em nossa sede, sem precisar ir ao cliente e, assim, iremos aprimorar o desempenho dos equipamentos para conquistar melhor utilização, melhor eficiência energética e menores custos de manutenção”, destaca Jorge Osvaldo Zato, Gerente Corporativo de Engenharia, Pesquisa e Desenvolvimento da TROX do Brasil.

Trox do Brasil_site

No caso da realidade aumentada, os clientes TROX poderão, com um simples smartphone ou tablet, fazer um “raio X” completo do aparelho para ter um panorama de sua condição e enxergar possíveis defeitos, tudo isso de forma virtual sem sequer precisar abrir o equipamento. O objetivo é facilitar a assistência técnica ao cliente final. 

“Com esta espécie de raio-X, é possível enxergar todos os componentes internos , dados telemétricos e defeitos sem abrir o equipamento. São apresentados dados para que qualquer pessoa possa entender onde está a falha, qual telemetria está interferindo e como solucionar o problema. Isto traz uma enorme vantagem na manutenção”, refere o executivo.

O projeto da TROX do Brasil começou no final de 2016 com a InfoAxis Solutions, parceira da PTC, tendo o mesmo sido dividido em três fases: a prototipagem, implantação da IoT e implantação da realidade aumentada.

“A primeira etapa foi concluída em setembro passado, quando apresentamos dois protótipos ao mercado. A reação positiva consolidou o que tínhamos planejado. Os dois produtos estavam com solução IoT, softwares parametrizados e transmissão de dados, mostrando um conceito totalmente inovador ”, conta Zato.

O projeto consolida a posição da TROX como a primeira empresa do segmento a implementar esta tecnologia no Brasil. A previsão da companhia é de entregar os primeiros equipamentos com IoT embarcado no primeiro trimestre de 2018.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor