SAS promove segunda edição do Women Empowerment Day

EmpresasNegócios

O SAS realiza, no próximo dia 26, em São Paulo, a segunda edição do Women Empowerment Day para promover discussões sobre os desafios na busca da igualdade.

No mês das mulheres, o SAS realiza, no próximo dia 26, em São Paulo, a segunda edição do Women Empowerment Day. O evento tem como foco promover discussões sobre os desafios na busca da igualdade de gênero e celebrar as conquistas do universo feminino.

A iniciativa surgiu em 2017, a partir de uma realidade de valorização da mulher já cultivada no próprio SAS, principalmente nas questões relacionadas às oportunidades no mercado de trabalho e ao equilíbrio entre vida pessoal e profissional.

O Women Empowerment Day terá a presença de mulheres de destaque e em diferentes áreas de atuação que irão debater temas ligados ao universo feminino, como sororidade (união e aliança entre mulheres, baseado na empatia e companheirismo, em busca de alcançar objetivos em comum), liderança, equidade, desafios, além do compartilhamento de experiências. O evento contará as palestras de Jandaraci Araújo, empresária, professora e consultora, que atua no combate à violência contra a mulher e igualdade racial; Neivia Justa, fundadora do movimento Onde Estão As Mulheres; e Nataly Bonato, Sênior Community Manager da WeWork.

Os participantes também acompanharão dois painéis. O primeiro, sobre Engajamento Feminino, com as líderes do Comitê Women Engage for Business: Mariane Takahashi, Elaine Santos e Cris Kerr. O painel será moderado por Rosana Felix, gerente de contas do SAS Brasil.

O segundo painel, sobre Liderança Feminina, contará com a presença de Maristella Iannuzzi, diretora global da Schneider Electric; Ana Moises, presidente do IAB Brasil & diretora de Soluções de Marketing para América Latina do LinkedIn; Fernanda Benhami, gerente de Negócios do SAS América Latina; e de Ednalva Vasconcelos, Vice-Presidente de Finanças do SAS América Latina. A moderação será de Milla Delfino, gerente de Comunicação do SAS Brasil.

O evento é gratuito e contará com debates sobre equidade de gênero, engajamento e liderança feminina, além dos desafios e conquistas das mulheres na luta por seus direitos.